Home > Notícias

Chip Nano chega para competir com o Atom, da Intel

Laptops com novos processadores chegam ao mercado a partir do terceiro trimestre e aquecem ainda mais setor de ultraportáteis.

IDG News Service/Cingapura

29/05/2008 às 9h57

Foto:

O novo processador para ultraportáteis da Via Technologies, conhecido anteriormente como Isaiah, foi oficializado com o nome de Nano e chegará ao mercado nas próximas semanas, afirmou a empresa nesta quinta-feira (29/05).

Os chips Nano oferecem uma melhora significativa de performance sobre a já existente linha C7 e competirá diretamente com a plataforma Atom, da Intel, particularmente a versão Diamondville que será lançada na Computex, que acontece em Taipá na próxima semana.

Saiba mais sobre ultraportáteis
>Primeiro laptop com Atom chega em junho
>MS dá sobrevida a XP por ultraportáteis
>Asus planeja Eee PC com plataforma
>Positivo apresenta ultraportátil Mobo

"O Nano é definitivamente mais rápido", afirmou Gleen Henry, presidente da Centaur Technology, subsidiária da Via que criou o chip.

Os chips Nano estão sendo entregues aos fabricantes em cinco versões, com velocidades que vão de 1 GHz a 1,8 GHz, afirmou o vice-presidente de marketing da Via, Richard Brown, em entrevista. Os primeiros laptops baseados nos chips chegarão no mercado após o terceiro trimestre.

Os chips chips Nano foram divididos em dois tipos, a série Nano L e a série Nano U. Os preços não foram revelados.

A série L, que oferece baixa voltagem, conta com dois chips, com velocidades de 1,6 GHz e 1,8 GHz. Os processadores têm consumo de 25,5 watts e 17 watts, respectivamente. A linha eventualmente será expandida com o acréscimo do chip de 2 GHz, ainda sem data para lançamento.

Já a série U, que oferece consumo ainda menor de energia, conta com três processadores, com 1 GHz, 1,2 GHz e 1,3 GHz que apresentam consumo de 8 watts, 6,8 watts e 5 watts, na ordem, em um pequeno aumento em comparação às estimativas de consumo anteriores.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail