Home > Notícias

Com Wave, Google consolida funções de comunicação em um mesmo serviço

Aberto apenas para desenvolvedores, ele tem e-mail, comunicador instantâneo, wikis e documentos compartilhados na mesma interface.

IDG News Service/EUA

28/05/2009 às 19h07

Foto:

O Google  divulgou a desenvolvedores uma versão prévia de uma ferramenta de colaboração e comunicação que consolida funções semelhantes às dos e-mails, comunicadores instantâneos, blogs, wikis e compartilhamento de documentos.

Chamado Wave, o aplicativo online vem sendo desenvolvido há dois anos e tem potencial para atrair usuários de serviços próprios do Google, como Gmail, Docs, Picasa e Blogger, assim como ferramentas dos rivais Microsoft, AOL e Yahoo.

O Google deve restringir o Wave a desenvolvedores nos próximos meses. Por enquanto, somente os participantes da conferência Google I/O, realizada em São Francisco, nos Estados Unidos, tiveram acesso ao Wave nesta quinta-feira (26/5).

Com o Wave, os usuários terão uma plataforma online completamente nova e não apenas um integrador de serviços já existentes.

"Temos a expectativa de que o Wave terá um impacto muito grande, mas muito disto depende da nossa habilidade de explicá-lo aos usuários. Essa é parte da razão pela qual estamos distribuindo antes para desenvolvedores", afirmou o co-fundador do Wave, Lars Rasmussen.

Essencialmente, o Wave permite que as pessoas criem documentos nos quais múltiplos usuários podem adicionar aplicações de texto, multimídia, gadgets e feeds, de forma tão frequente que a interação pode ser comparada a um comunicador instantâneo. Tais "ondas" de interação podem ser resgatadas para visualizar a evolução do documento.

O Wave é criado com base no kit de ferramentas ‘Google Web Toolkit’ usando HTML 5, a versão mais recente da linguagem de programação web. O serviço conta com um conjunto de aplicações (APIs) criadas para que desenvolvedores ampliem suas funcionalidades e integrem o sistema a outros serviços web. O Google planeja lançar o código-fonte do Wave no formato aberto.

Rasmussen alerta que o código do Wave pode parecer complexo mesmo para desenvolvedores. Isso reserva a exploração do serviço aos mais aventureiros, que desejam participar da evolução do produto.

O Google espera que os desenvolvedores criem aplicativos para integrá-lo a redes sociais. Durante a apresentação, o grupo responsável pelo Wave demonstrou uma integração com o microblog Twitter, em estágio inicial.

pcw_logo_twitter_73.jpg
> Siga PC WORLD no Twitter em http://twitter.com/pcworldbrasil

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail