Home > Notícias

Comerciante é condenado por fraude com 9 mil iPods

Nicholas Woodhams deverá devolver mais de US$ 57 mil, além de uma casa e carros adquiridos com o golpe

David Dahlquist - Macworld/EUA

09/04/2009 às 11h14

Foto:

Nicholas Woodhams, um comerciante que armou um esquema fraudulento para comercialização de 9 mil iPods nos Estados Unidos, foi condenado por fraude e lavagem de dinheiro pela Justiça americana.

Woodhams possui uma assistência técnica na cidade de Kalamazoo, Michigan (EUA), que utilizou para seu golpe. A estratégia era utilizar números de série falsos para receber novos iPods da Apple, sem enviar os originais. O esquema também utilizava indevidamente a Visa e a UPS.

Quando a Apple tentava cobrar pelos equipamentos defeituosos que não eram enviados por Woodhams, os números de cartões fornecidos não eram aceitos. Curiosamente, esse golpe funcionou o tempo suficiente para que ele recebesse 9 mil iPods shuffle, vendidos com grande lucro por ele via internet.

Para completar, ele também cobrava seus clientes por componentes que eram trocados gratuitamente pela Apple.  A sentença de Woodhams ainda não foi oficialmente divulgada, mas ele terá que devolver o dinheiro e os bens obtidos com seu esquema, o que inclui US$ 57 mil, uma casa e vários carros.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail