Home > Dicas

Configure as portas virtuais do roteador e rode aplicativos online

O acesso a aplicações online pelo roteador depende da liberação das portas do firewall para que ela funcione corretamente.

Preston Gralla, PC World / EUA

05/03/2009 às 13h50

Roteador_portas-virtuais_150.jpg
Foto:

Roteador_portas-virtuais_150Se o seu roteador doméstico é muito teimoso e se recusa a trabalhar com certos aplicativos da internet, como jogos online, talvez você precise de uma ajuda.

Os roteadores são bem simples de instalar, mas muitas vezes são  irritantemente difíceis de administrar. Algumas aplicações da internet, principalmente games, requerem que uma porta específica do firewall – uma porta virtual, não uma porta física – esteja acessível para que o aplicativo funcione.

Para entender como isso funciona, vale saber, por exemplo, que a porta 25 do firewall é de uso exclusivo de pacotes de email.

Leia mais sobre portas de firewall:
> Entenda o caminho realizado por um e-mail na web

Por definição, algumas portas do firewall não estão disponíveis para uso. Isso acontece para evitar que seu computar, conectado à internet, não fique exposto a ameaças - há ameaças virtuais que exploram portas específicas porque os crackers sabem que elas estão, por definição, abertas.
Se isso é uma coisa boa para você, também pode causar transtornos, caso uma aplicação local (por exemplo, um cliente P2P) ou um jogo online por exemplo necessite de uma porta que esteja bloqueada. O resultado é que a aplicação simplesmente não irá funcionar.
A solução? É necessário configurar o firewall do roteador para que a porta requerida seja liberada.

Encaminhamento de portas
Configurar portas do roteador manualmente, utilizando o programa de setup do equipamento, pode ser difícil se você não tem muita familiaridade com o tema. Mas saiba que o procedimento não é tão complicado.

Para começar verifique se o seu roteador, dentro das configurações avançadas, possui a opção de Encaminhamento de Portas. Ao entrar nesta opção, você deverá informar o endereço IP do servidor que quer acessar, indicar o modelo do computador que quer acessar esse IP e então inserir o números das portas virtuais que você quer acessar.

conf_portas_350

Configurar o Encaminhamento de Portas no roteador pode ser complicado

Se você não sabe qual o endereço IP e quais os números das portas, então procure a Tradução de Endereços de Rede (NAT) para identificar o endereço IP do servidor que está bloqueando seu acesso (ou busque pelo Protocolo UDP, no caso se for um jogo online), e também verifique quais os números das portas que se referem ao seu problema (existem mais de 65 mil portas diferentes) e insira esse número na configuração do encaminhamento de portas do seu roteador.

Ajuda de fora
Agora, se está sendo muito complicado configurar todas essas opções no setup do seu roteador, saiba que existe um programa gratuito que faz todo esse processo para você, basta apenas informar o número da porta: o Simple Port Forwarding.

Como o nome diz, o programa é bem simples de usar. Para começar baixe e instale o SPF em seu PC que está conectado ao roteador em questão. Ao executar o programa uma janela irá aparecer e lá você deve inserir os dados do seu roteador, como modelo, IP, login e senha.

Simple_Port_350

Tela de configuração do Simple Port Forwarding

Depois é só inserir o tipo e o número da porta da internet e os dados de qual PC que irá receber as portas encaminhadas, e o programa faz automaticamente todo o resto. Caso seu roteador não esteja incluído na listagem do programa, o mesmo recebe sugestões de dispositivos faltantes, basta seguir o editorial no site e aguardar instruções do Simple Port. O site também possui tutoriais para a grande maioria das marcas de roteadores.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail