Home > Dicas

Conheça os benefícios dos sistemas seguros de pagamento online

Objetivo é assegurar uma transação segura tanto para quem vende pela web quando para o internauta que compra em lojas virtuais.

Alice Sosnowski, especial para PC WORLD

22/09/2008 às 10h59

Foto:

Para quem vende pela internet, contar com os serviços de empresas que intermedeiam o pagamento têm a vantagem de reunir em um único sistema grande parte dos modelos de pagamento eletrônico, de várias bandeiras de cartão de crédito a pagamentos bancários. E isso sem precisar que o empresário se preocupe em fazer acordos individuais com cada uma das financeiras e adaptar sua loja virtual aos sistemas impostos por elas.

Além disso, os integradores de meios de pagamento facilitam a transferência do dinheiro para a conta do vendedor. Se a compra foi feita em cartão de crédito, por exemplo (a forma mais difundida de pagamento online), o dinheiro é liberado em 14 dias. Direto com a operadora de cartão, esse prazo sobe para 30 dias em média.

Mas tal forma de pagamento não beneficia apenas quem vende pela web. O sistema integrado oferece também maior segurança para o consumidor. Em geral, ele pode bloquear o pagamento em até duas semanas se não receber o produto ou caso receba a mercadoria danificada. E ainda conta algumas facilidades, como a chance de parcelar a compra em até 12 vezes.

Origem
Esse modelo de negócio tem inspiração no PayPal, criado em 1998, nos Estados Unidos, que rapidamente se popularizou. Hoje, está presente em 103 países, inclusive no Brasil. O ‘PayPal brasileiro’ surgiu no Espírito Santo com o nome de BRPay, foi adquirido pelo UOL e lançado em julho de 2007 com o nome de PagSeguro.

Os últimos números mostram que já são mais de um milhão de compradores, vendedores e empresas realizando transações no PagSeguro, com um tíquete médio de 120 reais, afirma Ricardo Dortas, diretor de projetos especiais do UOL.

A loja virtual Vivishop, que comercializa lingeries, é uma das lojas cadastradas no PagSeguro. Segundo sua proprietária, Vivian Creimer, além do sistema oferecer as verificações necessárias para confirmar a idoneidade do cliente, a loja possui agora mais opções de pagamento, já que antes trabalhava apenas com a Credicard.

Isso significou uma vantagem para o cliente e um aumento de 30% no número de compras finalizadas. Para ela, isso se deve à confiança que o comprador tem de fechar o negócio quando vê o pagamento vinculado a uma grande empresa.

Com a mesma filosofia, o Pagamento Digital, do Grupo Buscapé, também atua no mercado. São 1.273 clientes e uma previsão de movimentar mais de R$ 20 milhões até o final de 2008. Além das vantagens de gerenciamento de risco da transação online e recebimento antecipado, o lojista também figura com destaque no mais famoso site brasileiro de comparação de preços: o Buscapé.

Ao procurar um produto, o consumidor tem à sua disposição o filtro “compra segura”, onde aparecerão apenas as lojas que aceitam o Pagamento Digital. “Esta sinergia traz uma vantagem adicional para a loja vinculada ao nosso sistema de pagamento”, afirma o vice-presidente do Buscapé, René Abe.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail