Home > Notícias

Consumidores norte-americanos pedem que a Google seja investigada

Pedido surgiu após caso envolvendo a coleta indevida de informações confidenciais em redes wi-fi

IDG News Service

18/05/2010 às 9h47

Foto:

A Federal Trade Commission E.U.A  – agência norte-americana de defesa ao consumidor - recebeu pedido de um grupo de consumidores solicitando que a Google seja investigada, após a confirmação de que empresa coletou informações confidenciais de redes wireless sem proteção de senha. 

O caso foi divulgado na sexta-feira (14/5), quando a companhia anunciou a paralisação dos carros do serviço Street View, após descobrir que, sem o seu conhecimento, estavam sendo coletados também conteúdos não criptografados - como informações sobre páginas da Web acessadas pelos usuários.

Alguns internautas advogam que a FTC precisa saber exatamente o que o Google registrou, quanto tempo ele coletou às informações e que uso fez dela. "Dado seu histórico recente de violações de privacidade, não há absolutamente nenhuma razão para confiar em nada do que a empresa afirma sobre as suas políticas de coleta de dados”, disse um deles.

A Google estava coletando dados sobre endereços de redes Wi-Fi, a fim de melhorar ainda mais as informações sobre localização do Google Maps.

Depois de uma auditoria das informações ter sido solicitada por uma autoridade da proteção de dados, em Hamburgo, na Alemanha, a Google descobriu que  estava realmente coletando conteúdo dos pacotes IP. "Um engenheiro adicionou uma ferramenta no nosso sistema em uma versão experimental do projeto, há quatro anos atrás e desde então ela nunca mais tinha sido removida", afirmou a Google.

"Temos consciência da gravidade do nosso erro", comunicou a empresa em seu blog, e confirmou que destruiria todos os dados coletados na Irlanda, além de já estar procurando os escritórios responsáveis pela proteção de dados em outros países para saber como proceder.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail