Home > Notícias

Conteúdo inadequado faz MS cancelar campanha do Windows 7 em seriado

Mudança se deu por incompatibilidade da marca com temas que estariam no show, como incesto e piadas sobre o holocausto.

Nando Rodrigues, para o IDG Now!

27/10/2009 às 20h37

Foto:

Como parte da campanha de marketing para divulgar o Windows 7, a Microsoft anunciou, dias antes do lançamento oficial do novo sistema operacional, que iria patrocinar episódio de The Family Guy. Programado para ir ao ar no próximo dia 8 de novembro, a série no Brasil é chamada “Uma família da pesada”.

Contudo, após se inteirar do conteúdo do episódio, cujo título provisório é “Family Guy Presents: Seth & Alex’s almost live comedy show” (“Uma família da pesada apresenta: a comédia quase ao vivo de Seth e Alex”, em tradução livre), que envolve incesto, piadas sobre o holocausto e pessoas mortas, além de higiene feminina, a Microsoft teria desistido do projeto.

Segundo o site Variety, um porta-voz da empresa de software contou que a decisão de participar do show se baseou na composição da audiência e no humor criativo do programa. “Mas, após rever a primeira versão do conteúdo do especial, ficou claro para nós que o conteúdo [do show] não é compatível com a marca Windows”, explica o porta-voz em comunicado enviado ao site. “Continuamos com uma boa parceria com a Fox, com Seth Macfarlane [criador da série] e Alex Borstein [colaborador], e trabalhando com eles em outras áreas. Continuamos acreditando no valor da integração de marcas e parcerias entre marcas, empresas de mídia e talentos”.

O projeto da Microsoft tinha o objetivo de vincular a principal marca do Windows 7 – a simplicidade – à entrega de um show de 30 minutos mais simples para a audiência, ou seja, sem intervalos comerciais nem promoções do canal pago, porém com menções ao novo sistema operacional espalhadas dentro do conteúdo do episódio.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail