Home > Notícias

Crise financeira: Google e IBM mostram faces opostas do problema

Lucro do Google cresce 26% e IBM, apesar da expansão, mostra sinais de desaceleração. Relatório da Forrester fala em "recessão" em TI.

Redação do IDG Now!

16/10/2008 às 18h30

Foto:

O desaquecimento da economia global em função da crise financeira mundial mostrou duas de suas faces nesta quinta-feira (16/10), quando os resultados de Google e da IBM  foram divulgados.

O Google confirmou sua força com um lucro 26% maior do que o mesmo período do ano passado. O faturamento cresceu 31%. Motivo: a forte demanda pelos anúncios online, em especial busca.

A IBM, apesar do crescimento do lucro (5% apenas), trouxe com seus números os primeiros sinais de desaceleração pela queda da receita dos contratos de novos serviços.

Um relatório da Forrester Research alertou também que os gastos com tecnologia podem enfrentar “uma longa e profunda recessão”.

Foi a primeira vez que a Forrester afirmou que uma crise econômica pode afetar os contratos de curto prazo de tecnologia.

O Gartner já havia avisado que a crise econômica mundial atingiria os investimentos em tecnologia, mas a indústria não teria reduções drásticas em gastos como aconteceu durante a bolha da internet, em 2001.

No pior dos cenários, os gastos com tecnologia, segundo o Gartner,devem aumentar 2,3% em 2009, menos do que a projeção anterior da própria consultoria, de 5,8%.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail