Home > Notícias

Crise: Mercado nacional de PCs cai 12% no primeiro trimestre de 2009

Abinee, contudo, prevê que setor se recupere e Brasil encerre o ano com 12 milhões de computadores vendidos.

Redação do IDG Now!

18/05/2009 às 11h23

Foto:

As vendas de computadores no Brasil caíram 12% no primeiro trimestre de 2009. O principal motivo, segundo a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), é crise econômica mundial. Apesar disso, a entidade acredita na recuperação do setor e projeta que o País termine com ano com 12 milhões de PCs vendidos.

As previsões fazem parte de um levantamento feito pela consultoria IT Data, a pedido da própria Abinee. Os números mostram que nos três primeiros meses deste ano foram vendidas 2,217 milhões de unidades de PCs, 12% a menos que os 2,510 milhões de computadores vendidos no mesmo período de 2008.

No estudo da IT Data, a crise internacional é apontada como a principal responsável pela queda, que levou à saída de alguns fabricantes do mercado por falta de expectativa dos negócios. Além disso, as indústrias promoveram mudanças em suas estratégias, focando as atividades na produção de desktops, volumes menores de produção e negociações mais conservadoras.

Das 2,217 milhões de unidades vendidas, 1,507 milhão de unidades são desktops e 710 mil, notebooks. Com isso, a participação dos desktops cresceu em relação ao 4º trimestre de 2008, atingindo 68% do total comercializado contra 32% de notebooks.

Em relação ao primeiro trimestre de 2008, a venda de desktops foi 18% menor, caindo de 1,846 milhão para 1,507 milhão de unidades vendidas. Já em relação ao quarto trimestre do ano passado, a queda foi menor (9,5%).

E se a venda de notebooks em base anualizada cresceu 6,7% no primeiro trimestre de 2009, houve uma forte retração (33,5%) se comparada aos últimos três meses do ano passado. 

Para 2009, porém, a Abinee prevê que as vendas de PCs deverão atingir cerca de 12 milhões de unidades, apostando na recuperação do mercado nacional de computadores.

Estima-se um crescimento de 20% na comercialização de PCs já neste segundo trimestre em relação ao primeiro trimestre.

Uma tendência é a queda nas vendas de desktops, que deverão fechar ano com retração 9% em relação ao total de computadores vendidos 2008 (7,7 milhões). Já as vendas de notebooks crescerão 16% em relação a 2008 (4,3 milhões), atingindo cerca de 5 milhões unidades.

pcw_logo_twitter_73.jpg
> Siga PC WORLD no Twitter em http://twitter.com/pcworldbrasil

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail