Home > Notícias

Dell lança ‘sala de aula conectada’ em escolas de São Paulo

Projeto prevê lousa interativa, conteúdo adaptado, computadores para professores e alunos de escolas públicas de Hortolândia (SP).

Nando Rodrigues, da PC World

05/11/2009 às 10h02

Foto:

Atualizada às 14h43

A fabricante de equipamentos Dell anuncia nesta quinta-feira (5/11),
a solução "Sala de aula conectada", em parceria com o Governo do Estado
de São Paulo. O presidente e
Chief Executive Officer da empresa, Michael Dell, está no Brasil para
falar sobre a estratégia da empresa na
área educacional.

O projeto coloca à disposição de professores
e alunos modernas ferramentas para educação incluindo conteúdo
interativo exclusivo preparado em parceria com a Universidade de São
Paulo (USP), bem como notebooks e netbooks da Dell.

A iniciativa vem sendo gestada desde o início deste ano
e contou com a parceria da prefeitura municipal para a infraestrutura
física das salas de aula; do governo de São Paula para o acesso à web e
da Universidade de São Paulo, que adaptou o conteúdo das disciplinas de
matemática e língua portuguesa para a 5ª séria do ensino fundamental e
1ª série do ensino médio.

Em julho, 31 salas de aula de 26 escolas do município receberam,
cada uma, lousa interativa conectada a um servidor Optplex, kit
multimídia com projetor e equipamento de som, e uma impressora (os
equipamentos foram doados pela Dell, que não revela o valor investido). Os professores foram treinados
durantes as férias quanto ao uso dos equipamentos.

As salas passaram a ser usadas a partir de agosto e estão em fase
experimental. Segundo Velasco, ao final do ano, o projeto será avaliado
pela UNESCO para verificação quanto ao seu sucesso pedagógico. “Em uma
segunda etapa, de um projeto que tem duração de 12 meses, os
professores irão receber, cada um, um notebook e só depois é que os
alunos irão receber o netbook, numa terceira fase”, explica.

Netbook educacional
O modelo de netbook da Dell lançado para o segmento educacional é o Latitude 2100, que possui tela opcional
sensível ao toque, chip Atom Intel, tela de 10,1 polegadas, alça para
transporte, teclado azul antibactericida, webcam e conexão sem fio. O equipamento será fabricado no Brasil a partir do final de novembro e não teve seu preço divulgado.

O diretor para o setor público da Dell Brasil, Ricardo Velasco, diz que o equipamento será oferecido também para escolas particulares e pode ter configurações diferenciadas, principalmente em relação ao sistema operacional. "Segundo ele, nos Estados Unidos, o preço do Latitude 2100 fica entre 500 dólares e 700 dólares. "Ele não foi criado para ser modelo mais barato e sim o melhor netbook educacional do mercado", afirma.

Parceria com o CDI
Ainda na área educacional, a Dell anunciou na
terça-feira (3/11) a ampliação para o Brasil do programa Dell Youth
Connect
. Em parceria com o Comitê para Democratização da Informática
(CDI), o programa tem o objetivo de atender cerca de 1.100 jovens de
até 17 anos com aulas de informática e cidadania, além de engajamento
em projetos culturais.

A empresa investirá 872 mil reais para patrocinar nove escolas da
rede CDI – três em Campinas, três em São Paulo, e outras três em Porto
Alegre (RS). Por meio da Dell Global Giving, a empresa também irá doar
55 máquinas ao primeiro centro comunitário Mega CDI, que deve ser
inaugurado este mês no Rio de Janeiro.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail