Home > Notícias

Detalhes do novo BlackBerry devem ser anunciados na próxima semana

BlackBerry 9800 é aposta da RIM para acompanhar evolução da concorrência. Aparelho seria vendido nos EUA exclusivamente pela AT&T

PC World/EUA

29/07/2010 às 16h19

Foto:

Espera-se que a Research In Motion (RIM) anuncie detalhes do novo BlackBerry 9800 na próxima semana. O smartphone não será, provavelmente, capaz de arrasar com o iPhone ou o Android, mas, desde que conquiste seu próprio espaço e renove a linha de dispositivos da empresa, já poderá ser considerado um vencedor.

Especula-se que ele será vendido com exclusividade, nos Estados Unidos, pela AT&T – tal qual o celular da Apple. O principal benefício à operadora e aos seus clientes é o aumento de opções de smartphones de alto desempenho disponíveis, que, atualmente, se limita ao próprio iPhone 4 e ao Samsung Captiva, baseado na plataforma Android, da Google.

Isso significa que a AT&T não precisaria mais colocar todos os seus esforços na promoção do dispositivo da Apple - o que, aliás, é um fato que chega em um momento propício. Afinal, existem aqueles que resolveram simplesmente devolver o celular a Steve Jobs em vez de aceitar um case que, supostamente, resolveria todos os problemas do aparelho.

Tanto o iPhone quanto os smartphones com Android vêm ganhando participação no mercado em uma velocidade considerável. A Microsoft, por sua vez, continua a perder espaço - enquanto o seu tão divulgado Windows Phone 7 não chega às prateleiras – e a RIM se mantém estática devido à sua linha de produtos já defasada. 

Ela, no entanto, acredita que poderá injetar um novo ânimo à sua marca, dando aos profissionais motivos para permanecerem leais aos BlackBerries, já arduamente testados no ambiente corporativo.

Fiel às origens
Para a RIM, o mais importante para o BlackBerry 9800 não é que ele seja superior em recursos em relação a seus concorrentes; ela não se importa em deixar a busca desenfreada por inovação nas mãos de seus rivais, como a Apple e a Google. O primordial, em sua visão, é se manter fiel a à sua origem, ou seja, simplicidade e estabilidade.

++++

Os usuários finais podem até admirar todos os penduricalhos presentes no Droid X ou no EVO 4G, mas, para os administradores de TI, o principal ainda é a confiança que se tem na marca, a convicção de que ela não o deixará na mão. 

A linha BlackBerry, portanto, não precisa brilhar no escuro ou reluzir sob a luz, mas só estar próxima das capacidades de um iPhone para apaziguar os clientes, ao mesmo tempo que satisfaz os responsáveis pela tecnologia das empresas ao oferecer a produtividade e o poder de gerenciamento que eles esperam.

Porto seguro
Há tantas companhias que já investiram em dispositivos da RIM e construíram sua infraestrutura móvel pensando exclusivamente no Servidor Corporativo da BlackBerry (BES, na sigla em inglês), que de, qualquer forma, a empresa de smartphones continua a ter seu porto seguro. A troca de plataforma para grandes corporações exige alto dispêndio de tempo e dinheiro, além do esforço de ensinar aos seus funcionários como o novo sistema funcionaria.

Na medida que o BlackBerry 9800 deverá ter muitos recursos parecidos com os já existentes em outros celulares de alto desempenho, seus usuários deverão deixar a inveja que tem dos possuidores de iPhones de lado, e voltar a abraçar a estabilidade e a segurança dos dispositivos da RIM. 

Isso deixará tanto os clientes quanto os administradores de TI felizes e, quando estes estão contentes, a RIM e seus acionistas também não deixam de estar.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail