Home > Dicas

Dicas para minimizar riscos de lesões por esforços repetitivos (LER)

As LERs são hoje o grande mal que assola a humanidade moderna, em especial aqueles que passam muito tempo no computador.

Darren Gladstone, da PC World/EUA

08/12/2009 às 17h05

pulso-150.jpg
Foto:

pulso-150.jpgMovimentos repetitivos no computador podem trazer a tona um dos grandes malefícios da vida moderna: as chamadas lesões por esforços repetitivos (LER), das quais a tendinite é talvez a mais popular. E para quem usa - por lazer ou trabalho - o computador por muitas horas diariamente, este perigo é ainda mais eminente.

A LER, considerada por muitos a maldição moderna dos usuários de computador, normalmente aparece quando uma pessoa passa muito tempo navegando e digitando, com o auxílio de periféricos - teclado e mouse, principalmente - nada ergonômicos, com mobiliários (mesas e cadeiras) inadequados e em posições normalmente nada confortáveis.

Quando se vai comprar um computador novo ou trocar os móveis do escritório, não devemos apenas nos atentar ao design e desempenho, mas também ao conforto e usabilidade.

Para além disso, existem ações que os usuários podem tomar que minimazam os riscos, ainda que não cheguem evitar que as lesões ocorram.

Leia também:
>> Ergonomia no notebook: como tornar confortável o uso do equipamento
>> Nem ergonomia, nem desempenho: conheça os dez piores teclados do mundo

Intervalos
Fazer pequenas pausas é a melhor forma de diminuir os riscos decorrentes de movimentos repetitivos, permitindo que seu corpo se recupere do esforço. Para isso, vale apelar para o alarme do celular, um cronômetro, ou o que ajudar a manter a rotina dos intervalos durante as horas de trabalho.

Especialistas aconselham dar uma pausa de 3 minutos a cada meia hora de uso ininterrupto do computador. Além disso, evite usar o equipamento na mesma posição durante mais de uma hora, sem intervalos.

Alongamentos
Ao menor sinal de dor na região do antebraço e/ou do pulso, procure aconselhamento médico, que pode dar orientações sobre o tratamento adequado. Alguns movimentos de alongamento são básicos e podem ajudar em um primeiro instante, mas lembre-se: se começar a doer, interrompa o que estiver fazendo.

Alguns sites oferecem opções e dão sugestões de alongamentos para ajudar a prevenir lesões e relaxar os músculos do braço e do pulso. Acessórios, como bolinhas de fisioterapia, e exercícios que não desgastam esses membros também são uma boa opção. Procure um especialista e veja quais os melhores métodos para você.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail