Home > Notícias

Disco externo de 3 TB leva o armazenamento às alturas

Com técnica chamada de SmartAlign, Seagate expande a capacidade de armazenamento sem a necessidade de aumentar a densidade de dados

PC WORLD/EUA

29/06/2010 às 21h38

Foto:

Atualizada em 30/06/2010 às 17:35
A Seagate lançou um disco externo com nada menos que 3 TB de capacidade. O drive batizado com o nome de FreeAgent GoFlex Desk external drive, utiliza interface USB 2.0 e custa 250 dólares. No Brasil, ele deve ser lançado somente em setembro deste ano, segundo a assessoria de imprensa da Seagate.

Com isso, a Seagate não apenas quebrou uma barreira na capacidade, mas também no custo por gigabyte. Fazendo as contas, são oito centavos de dólar por gigabyte.

Para ter uma ideia dessa imensa capacidade, o drive pode armazenar mais de 120 filmes de longa metragem em full HD, 1.500 títulos de games, sem dizer em incontáveis horas de músicas em arquivos MP3.

Essa notícia também é importante porque a Seagate descobriu uma forma de contornar uma restrição que mantinha o limite máximo de 2 TB de capacidade para um disco rígido.

Por que a capacidade estava limitada a 2 TB?
Segundo os engenheiros da Seagate, a restrição não está ligada à estrutura de arquivos NTFS do Windows e nem com qualquer problema com o sistema operacional em si.

O problema estava na tabela de partição do Registro Mestre de Inicialização (MBR, na sigla em inglês), que está localizada no primeiro setor do disco rígido.

A tabela de partição usada no Windows XP e em versões anteriores de sistemas da Microsoft, estava limitada a ‘enxergar’ o máximo de 2,2 TB, que, mais de uma década atrás, era uma capacidade impensável de se alcançar.

O disco é dividido em setores e com o Windows usando o tamanho de 512 bytes por setor, o máximo que se podia alcançar era a capacidade de 2,2 TB.

Já o Windows Vista e Windows 7 introduziram um novo formato na tabela de partição, chamado de particionamento GPT (GUID Partition Table).

A GPT é uma tabela de partição que pode gerenciar uma capacidade de 8 ZB (zettabytes). Para referência, 1024 terabytes são equivalentes a 1 petabyte; 1024 petabytes equivale a 1 exabyte; e 1024 exabytes equivalem a  1 zettabyte.

Mas  o Windows 7 e o Vista também precisavam manter a compatibilidade com versões anteriores de sistemas, para usar partição da estrutura em MBR, de modo a poder ler e escrever dados em computadores que ainda utilizam Windows XP – que não são poucos.

A solução da Seagate para o drive de 3 TB foi fazer com que a estrutura de partição MBR reporte ao sistema operacional que o setor deve ter 4 KB de tamanho, em vez de 512 bytes.

Com a MBR ‘negociando’ dessa forma com o sistema operacional, até o Windows XP poderá trabalhar com capacidades imensas de disco. E não apenas o XP, mas também o Mac OS e Linux. Diga-se de passagem, esses sistemas também nunca precisaram lidar com essa restrição na partição de discos.

Essa tecnologia, pela qual a tabela de partição comporta um tamanho maior de setor (de 512 Bytes para 4 KBytes), é chamada pela Seagate de SmartAlign.

Essa tecnologia oferece a vantagem de aumentar a capacidade de um disco, sem a necessidade de aumentar a densidade dos dados. O drive de 3 TB possui cinco pratos com capacidade de 600 GB cada um. Isso é apenas um prato a mais do que os drives de 2 TB utilizam. 

O setor de 4 KB faz com que o números de headers – unidade de informação que precede um pacote de dados – existam em menor número, deixando mais espaço para os dados.

Futuro
A capacidade de 3 TB não será o fim da linha para armazenamento de discos de 3,5 polegadas.Tom Coughlin, analista de armazenamento da Coughlin Associates, deixa sua observação: "Acredito que veremos capacidades  entre 750 GB e 800 GB por prato em drives de 3,5 polegadas antes do final deste ano.  Isso nos daria discos de 3 TB ou mais, com quatro pratos  e se aproximando dos 4 TB em uma unidade com cinco pratos. "

Coughlin também espera avanços na densidade de unidades de 2,5 polegadas. Até o final de 2010 ele acredita que o mercado terá unidades de tamanho padrão para notebooks que alcançarão a capacidade de 1 TB.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail