Home > Notícias

Disputa por patente termina com pagamento da TomTom à Microsoft

Após abrir processo, Microsoft receberá quantia não divulgada para que navegadores da TomTom usem tecnologia sua proprietária.

IDG News Service / EUA

30/03/2009 às 16h54

Foto:

A fabricante de GPS TomTom concordou em pagar à Microsoft uma quantia não revelada para resolver um caso de infração de patentes iniciada há cinco semanas e que envolve o uso de tecnologia proprietárias da Microsoft no sistema de navegação automotiva de equipamentos da TomTom.

A Microsoft, no entanto, não pagará à TomTom para licenciar quatro patentes do Microsoft Streets and Trips que estão no centro de um caso iniciado pela TomTom contra a gigante de software como reação ao processo original.

O resultado pode ter ramificações na comunidade de código aberto, que apresentou preocupações pela Microsoft iniciar o caso alegando o uso de tecnologias prioritárias na versão de Linux usado pelos navegadores da TomTom.

No passado, a Microsoft já havia deixado claro que defendia que o sistema Linux viola mais de 235 da suas patentes, mas nunca tomou nenhuma ação jurídica contra desenvolvedores ou usuários.

A Microsoft alega que a ação original contra a TomTom não tem relação com o Linux, mas sim com um desacordo entre as duas companhias sobre tecnologias específicas.

Três outras patentes de sistemas de gerenciamento de arquivos poderão ser usadas desde que implementados conforme a General public License Version 2, segundo a Microsoft, algo que a TomTom já afirmou que cumprirá. 

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail