Home > Notícias

Domínio .XXX para sites pornográficos é aprovado pela ICANN

Proposta ainda passará por revisão, e domínios com esta extensão não irão entrar em vigor imediatamente

IDG News Service (Paris)

25/06/2010 às 10h16

Foto:

A diretoria da ICANN (Internet Corporation for Assigned Names and Numbers) aprovou nesta sexta-feira (25/6), que os sites pornográficos terão o seu próprio domínio, com extensão “.xxx”.

A proposta foi feita sob as regras da ICANN para DPNs patrocinados, através do qual os domínios foram criados por grupos de interesse, como a da indústria aeronáutica (.aero) e de movimentos de cooperativa (.coop).

O presidente da ICM Registry, Stuart Lawley, disse em comunicado que esta aprovação “foi uma longa jornada, mas que ele está animado pelo movimento”.

“A decisão deverá, em breve, trazer benefícios a nossos esforços de seis anos para criar um endereço Web específico para o entretenimento adulto online e vem na esteira de uma revisão independente, que declarou que a decisão anterior da ICANN para negar o “.xxx” estava errada”, declarou Lawley.

O “.xxx” não vão começar a aparecer imediatamente. A ICANN deve, primeiramente, realizar uma “diligência devida”, ou seja, um estudo do plano de negócios da ICM para o domínio e, em seguida, o conselho da entidade irá revisar o contrato proposto para o funcionamento do mesmo. A revisão da questão pode ser feita ainda pelo Comitê Consultivo Governamental do ICANN, que se reunirá em dezembro deste ano, na Colômbia.

A ICANN já havia considerado a introdução de um domínio de nível superior aos sites pornográfico anteriormente. No entanto, ela não conseguiu chegar a uma decisão sobre a proposta, em uma reunião no Quênia, em março deste ano e rejeitou propostas em maio de 2006 e março de 2007. A votação desta sexta-feira não foi unânime em favor da criação do “.xxx”: o CEO da ICANN, Rod Beckstrom e Jean-Jacques Subrenat, membro do conseolho, abstiveram-se.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail