Home > Notícias

Donos de G1 preferem produtividade a games

Apesar de ser maior categoria da loja de aplicativos do Google, games ainda não são o tipo de aplicação com maior índice de downloads.

IDG News Service/EUA

28/10/2008 às 9h55

Foto:

Usuários do G1, primeiro celular com o sistema operacional Android, do Google, estão mais preocupados com produtividade que com diversão, segundo as estatísticas de downloads do primeiro dia de vendas do aparelho.

O dispositivo começou a ser vendido pela T-Mobile nos Estados Unidos na quarta-feira (22/10) pela manhã. O Android Market, loja online de aplicativos e games, foi lançado paralelamente ao início das vendas do aparelho. Com mais celulares vendidos, o mercado de aplicativos para o G1 deve seguir o padrão de vendas da App Store, segundo previsões de mercado.

Na sexta-feira (24/10), os jogos estiveram em segundo plano no Android Market, de acordo com o grande número de downloads realizados. Enquanto 20 aplicativos foram baixados entre 10 mil e 50 mil vezes, o mesmo índice de downloads surgiu apenas em cinco jogos.

Na quinta (23/10), a empresa de pesquisas Medialets indicou que havia seis aplicativos e três jogos com índice alto de downloads. A companhia afirmou que os downloads do Android Market seguiram um padrão semelhante à App Store no seu primeiro dia.

Na sexta, várias das mesmas aplicações continuaram com índice alto de downloads. O Weather Channel, ShopSavvy, WikiMobile, Encyclopedia e MySpace Mobile estiveram no topo do ranking. O ShopSavvy foi o que teve mais reviews de usuários - 765 vezes.

Os três games com índice de download de 10 mil a 50 mil foram: Pac-Man, Brain Genius Deluxe e Bonsai Blast. O Pac-Man teve o maior número de reviews (1.147). O ranking do Android Market é baseado na combinação de taxas de usuários e no número de downloads. Games e aplicativos aparecem em listas separadas.

Tanto na App Store como no Android Market, 24 horas após o lançamento, os games se tornaram a maior categoria de aplicativos, seguida por multimídia e “estilo de vida” (incluindo saúde e fitness, esportes, compras e fotografia).

O lançamento da App Store foi significativamente diferente comparado ao Android Market. Quando a loja de aplicativos da Apple foi anunciada, ela reuniu 552 aplicativos, sendo cerca de um quarto oferecidos gratuitamente. Após três dias de existência, somou 800 aplicações. Já a loja do Android começou apenas com 62 produtos, todos gratuitos. Os desenvolvedores somente poderão cobrar pelos aplicativos no primeiro trimestre de 2009, e a loja está aberta a todos os programadores - não há restrições do Google.

A App Store já opera há mais de três meses e os jogos estão entre os aplicativos mais oferecidos. Cerca de 5.500 aplicativos estão disponíveis na loja da Apple, que já registrou mais de 200 milhões de downloads.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail