Home > Dicas

Como economizar energia no dia-a-dia

Adote alguns hábitos que diminuem o gasto de eletricidade de seu PC e de outros aparelhos.

Por Fernando Petracioli, especial para PC WORLD

21/02/2008 às 18h25

economizar_energia_150.jpg
Foto:

economizar_energia_150Em tempos de aquecimento global, tem sido cada vez maior a preocupação com a diminuição do gasto de energia elétrica. Além do aspecto ecológico, existe também questão do seu bolso: o valor da conta, no final do mês, pode diminuir em alguns preciosos reais.

PC World ouviu alguns especialistas na área para descobrir como se deve proceder com os aparelhos eletrônicos – em casa ou no trabalho – para fazer um uso mais racional da energia elétrica.

Tenha em mente que equipamentos eletrônicos mais modernos tendem a gastar menos. Isso porque utilizam componentes que fazem uso mais eficientes da energia elétrica. Televisores, por exemplo, devem trazer o Selo Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica). Procure escolher aquele que faz o uso mais eficiente dentro de sua categoria.

Outros destaques da PC World:
> Como será o design do PC do futuro? Veja 15 modelos
> Conheça os 10 produtos mais feios de tecnologia
> Veja 29 produtos dos sonhos
> Saiba como comprar uma filmadora digital
> Os 25 dias que muduram tudo no mundo da tecnologia
> Vídeo: como turbinar o PC com duas placas de vídeo
> Mobiliário pra lá de estranho; veja a galeria

A tecnologia utilizada nos equipamentos eletrônicos influencia diretamente seu consumo energético. Um monitor de 17 polegadas de tecnologia CRT, por exemplo, tem uma potência de 65 Watts (W).

Enquanto isso, um de LCD de tamanho igual consome 30 W, de acordo com Ada Noriega, gerente de produtos de monitores da LG Electronics. Ou seja, a simples troca de tecnologia proporciona uma economia de mais de 50% no consumo.

Outro fator importante: até quando comparamos dois aparelhos com uma mesma tecnologia, o mais recente costuma consumir menos. "Os eletrônicos novos com tecnologia antiga agregam recursos, como, por exemplo, um timer para desligar uma televisão", lembra Fernando Bacellar, da AES Eletropaulo, recurso útil para quem costuma dormir na frente da TV.++++

economizar_energia_150Faça sua parte
No entanto, apesar de a idade do dispositivo ser importante, existem alguns procedimentos que o usuário pode adotar, independentemente do hardware.
Um bom hábito é o de desligar o monitor do computador sempre que ficamos algum tempo sem usá-lo, seja no trabalho ou em casa.

Quem tem dificuldade de criar esse costume pode programar para que isso seja feito automaticamente usando o próprio Windows. É muito simples.

No Windows XP, por exemplo (os comandos são muito parecidos no Vista) clique em Iniciar, Painel de controle e Opções de Energia. Selecione a partir de quantos minutos quer que o monitor seja desativado, no menu drop-down à direita de Desligar o monitor.

Há também softwares como o LocalCooling que fazem esse tipo de programação, além de contabilizar toda a sua economia acumulada em watts, árvores e barris de petróleo.

tela_energia

Ada, da LG, afirma que um monitor que fica em standby consome apenas 1 W. E os protetores e descansos de tela? Ela explica que tais recursos foram criados especificamente para uso nos monitores de tubo (CTR) e com o simples objetivo de evitar o efeito burn-in resultado da projeção de uma mesma imagem por um tempo muito prolongado. Em vez disso, o efeito é contrário: o consumo de energia,  com os protetores, é ainda maior.++++

economizar_energia_150Para quem ainda resiste à idéia de desligar e religar aparelhos com base na crença de que a ativação de eletrônicos solicita ainda mais eletricidade, eis alguns dados fornecidos pela LG: quando um monitor CRT é ligado, ocorre um pico de consumo de energia de apenas um segundo de duração. E quando falamos de um LCD, então, esse pico dura apenas 15 milissegundos.

Além da desativação momentânea do seu monitor, você também tem a
possibilidade de diminuir o brilho da imagem de sua TV ou monitor. Uma
imagem mais escura gasta evidentemente menos energia. Para Ada Noriega,
não há um nível ideal de brilho a ser atingido sem que se prejudique o
desempenho visual: “isso depende da pessoa”, diz.

Quanto a desconectar os aparelhos da tomada, Fernando Bacellar, da
Eletropaulo relativiza. Um equipamento desligado só gastará energia, segundo ele, caso haja problemas de isolamento ou se o aparelho tiver o recurso de stand-by.

Stand-by
Muitos equipamentos eletrônicos trazem um recurso que os deixa em tal estado de inatividade mas que possibilita que entrem em funcionamento muito rapidamente.

Denominado stand-by, está presente em máquinas: microondas, aparelho de som, rádio-relógio, secretária eletrônica, conversor de sinal de TV a cabo são apenas alguns exemplos.

Mesmo que o consumo elétrico seja baixo, caso venham a ficar sem uso por um tempo prolongado, vale a pensa desligá-lo. Isso porque o consumo de cada um deles, somados (principalmente os que possuem a função relógio digital), pode pesar no final do mês.

tabela_standby
Fonte: Ministério do Meio Ambiente do Reino Unido

++++

economizar_energia_150Falando especificamente de PCs, existem basicamente dois procedimentos que visam economizar energia: a hibernação e o modo de espera (ou stand-by).

A hibernação nada mais é do que um recurso de economia de energia que salva no disco rígido as informações que estão na memória. O computador é desligado e você pode inclusive tirá-lo da tomada, o que significa que o consumo é zero.

Mas qual a diferença entre a hibernação e desligar de fato a sua máquina? Ricardo Shiroma, da Dell, explica: ao voltar da hibernação (com um toque no botão de força do PC), as informações retornam à tela em que você estava trabalhando, e sem ter que passar por toda a inicialização do sistema. "O computador congela as informações no HD", esclarece Shiroma.

No caso do modo de espera, inversamente, as informações são todas colocadas na memória RAM. E com um simples clique ou toque no mouse, o computador retorna. Nesse caso, o consumo do stand-by não chega a ser zero, mas fica próximo disso. A Dell afirma que uma de suas máquinas com consumo máximo de 72 W chega a um gasto de apenas 3 W no modo de espera.

Essas duas opções também podem ser configuradas na janela Propriedades das Opções de Energia, acessível no Painel de Controle. Você pode programá-los com base em um tempo mínimo de inatividade do seu PC.

Outros destaques da PC World:
> Como será o design do PC do futuro? Veja 15 modelos
> Conheça os 10 produtos mais feios de tecnologia
> Veja 29 produtos dos sonhos
> Saiba como comprar uma filmadora digital
> Os 25 dias que muduram tudo no mundo da tecnologia
> Vídeo: como turbinar o PC com duas placas de vídeo
> Mobiliário pra lá de estranho; veja a galeria

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail