Home > Notícias

Embratel terá TV por assinatura via satélite ainda em 2008

"Via Embratel" terá pacotes e preços compatíveis e vai ser oferecido para regiões sem cobertura da rede da Net.

Fabiana Monte, editora-assistente do Computerworld

23/10/2008 às 17h58

Foto:

A Embratel oferecerá seu serviço de TV por assinatura via DTH ainda este ano, com o nome de Via Embratel. De acordo com Mauricio Vergani, diretor executivo da empresa, os pacotes de programação e os preços serão coerentes com os oferecidos pela Net. A oferta valerá para todo o País, já que a licença de DTH é nacional.

Além da Embratel, a Telefônica também tem um serviço via DTH e a Anatel autorizou recentemente a compra da licença pela Oi para oferecer TV por assinatura via satélite.

Vergani explica que a TV por assinatura da Embratel será oferecida em regiões onde não há serviço da Net. "Será o mesmo acordo do WiMax", diz, referindo-se a um acordo entre as duas empresas que estabelece que a Embratel não construirá redes WiMax onde houver infra-estrutura da Net.

Atualmente, a Embratel oferece o WiMax como tecnologia complementar à rede da Net para oferecer o plano Embratel PME, que reúne quatro linhas de voz e um link de banda larga. Nas regiões sem cobertura da rede de TV a cabo, a empresa optou pelo uso do WiMax. Doze cidades têm o serviço com WiMax e a meta da companhia é expandir a oferta para 61 municípios até o fim de 2010. O investimento previsto é de 180 milhões de reais, em três anos.

O diretor executivo informa que, por enquanto, a Embratel ainda não tem planos para oferecer WiMax para clientes residenciais, principalmente porque os equipamentos ainda são caros e a tecnologia ainda não está madura o suficiente para permitir o uso mais eficiente da faixa de freqüência. "À medida que os preços de equipamentos caírem e a tecnologia amadurecer, vamos expandir a oferta", afirma Vergani.

A oferta Embratel PME pode ser contratada por pequenas e médias empresas e também por alguns tipos de profissionais liberais, como médicos, advogados, contadores e corretores de imóveis. A concessionária contabiliza 60 mil PMEs em sua base de clientes do produto, que pode ser adquirido a partir de 199 reais.

Nesta quinta-feira (23/10), a Telefônica anunciou um projeto-piloto que levará, gratuitamente, sinal de WiMax ao 150 clientes dos bairros de Pinheiros e Jardins, em São Paulo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail