Home > Notícias

Empresa lança “Supercomputador Pessoal” de R$ 65.000

Poder de processamento do HPC pode chegar a até 4 teraflops – 100 vezes o de um PC comum.

Redação do IDG Now!

18/05/2011 às 16h30

Foto:

A SMB-Sunset, empresa integradora de sistemas e soluções de tecnologia, anuncia que irá trazer ao mercado brasileiro o primeiro supercomputador pessoal equipado com processadores Tesla C2050 e C2070, da NVIDIA. A tecnologia, até então restrita a supercomputadores de grande porte como o chinês Tianhe-1A, número um do mundo no ranking Top 500, agora está disponível aos pesquisadores brasileiros numa versão de uso pessoal. O HPC Box será comercializado sob encomenda em todo o país com preço estimado de R$ 65 mil em sua configuração máxima  (com quatro processadores Tesla).  

“Esses supercomputadores possuem em média 100 vezes mais poder de processamento quando comparados à configuração máxima de um PC. Com isso, o pesquisador poderá rodar simulações iniciais e acelerar o tempo de conclusão do seu projeto, utilizando o equipamento central da universidade apenas para rodar uma grande quantidade de dados”, diz Arnaldo Tavares, gerente de vendas da NVIDIA para a linha Tesla para o Brasil e Cone Sul.

superPC_Nvidia

PC é 100 vezes mais potente que um comum

Entre as áreas de pesquisa que geram milhões de dados e necessitam de máquinas com alto desempenho estão: sequenciamento genético, dinâmica de fluidos (indústria de manufatura), meteorologia, análise sísmica (perfil do uso do solo, exploração de petróleo e gás), entre outras. 

“O pesquisador pode adquirir o equipamento utilizando recursos de sua bolsa de pesquisa. Pretendemos negociar pelo menos 50 destes supercomputadores e colocá-los no mercado brasileiro ainda este ano. Já para 2012 a meta é comercializar outras 100 máquinas”, diz Edouard Kutchukian, diretor de tecnologia da SMB-Sunset.

Cada GPU (unidade de processamento gráfico) da linha Tesla da NVIDIA é capaz de chegar a 1 teraflop de poder de processamento, o que equivale a 1 trilhão de cálculos por segundo. Combinando múltiplas GPUs é possível chegar a até 4 teraflops (quatro trilhões de cálculos por segundo) no modelo. Para comparação, o supercomputador que figurava como número 1 do mundo há 10 anos possuía praticamente o mesmo poder de processamento: 4.9 teraflops.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail