Home > Notícias

Estudo: Windows XP SP2 pode afetar segurança de 77% das empresas

Dos 278 mil computadores analisados pela Softchoice 46% ainda dependem do sistema, que não será atualizado após 13 de julho.

IDG News Service

22/06/2010 às 9h08

Foto:

Três em cada quatro empresas enfrentarão, em breve, riscos de segurança por continuar a usar o Windows XP Service Pack 2 (SP2), segundo um relatório, publicado nesta terça-feira (22/6), da empresa de tecnologia canadense Softchoice.

De acordo com o estudo, 77% das organizações pesquisadas ainda utilizam o XP SP2 em 10% ou mais dos seus PCs. Ao todo, 46% dos 278 mil computadores analisados, ainda dependem do sistema operacional.

A Softchoice obteve dados dos serviços de TI de seus clientes, que inclui ativos, ciclo de vida do hardware e gerenciamento de licenças. Foram analisadas 117 empresas americanas e canadenses da área de educação, de recursos financeiros, da saúde e da indústria transformadora.

Além disso, a empresa acredita que 36% de todos os computadores corporativos ainda rodem o sistema Windows XP SP2.

"Este é um alerta vermelho. Não é algo que se possa ignorar", disse o gerente de desenvolvimento de serviços da Softchoice, Dean Williams.

A Microsoft determinou um prazo final de suporte ao Windows XP SP2, um service pack, que estreou em 2004. A partir de 13 de julho, ele não receberá nenhuma nova atualização de segurança. Nesse momento, os usuários devem realizar migrar para o XP SP3, que terá suporte até abril de 2014.

O Windows XP SP3, foi lançado em maio de 2008, e está disponível como upgrade gratuito para todos os usuários do Windows XP. A Microsoft prometeu apoio ao XP SP3 até 8 de abril de 2014.

O estudo da Softchoice é semelhante aos números divulgados, no mês passado, pela Qualys, no qual, quase metade de todos os computadores corporativos ainda executavam alguma versão do XP SP2.

O Windows XP SP3 pode ser baixado no site da Microsoft, ou obtido a partir da atualização do computador com Windows XP SP2 através do serviço Windows Update.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail