Home > Notícias

Ex-CEO da Apple afirma que iPhone pode ser mais grandioso que o Mac

John Sculley, que atuou na Apple entre 1983 e 1993, elogia o talento de Steve Jobs e afirma que ele tem a capacidade de definir mudanças culturais.

Macworld/Reino Unido

31/10/2008 às 8h55

Foto:

O iPhone pode se transformar em algo maior do que o Mac, declarou o ex-CEO da Apple John Sculley, que trabalhou na empresa entre 1983 e 1993. Além disso, Sculley ainda afirmou que o popular aparelho Newton, o PDA da Apple, “chegou com 15 anos de antecedência”.

Em entrevista ao site TechRadar, o ex-CEO explicou a importância do lançamento do iPhone e do homem que ele inspirou, o atual CEO da Apple, Steve Jobs. “A genialidade de Jobs é sua capacidade de usar a tecnologia para criar produtos que definam mudanças culturais fundamentais. O Mac definiu uma ‘tecnologia pessoal’ e o iPhone define uma ‘tecnologia íntima’ com a convergência de comunicações, conteúdo e localização”, afirmou.

“Eu não vi nenhuma companhia de dispositivo móvel que tenha descoberto como replicar os princípios de design de Steve Jobs e observo que ele continua definindo a plataforma”, enfatizou Sculley sobre a estética do aparelho.

Enquanto Sculley lamenta a ausência de um teclado no iPhone, ele elogia a App Store, chamando-o de “mais importante do que qualquer outra coisa”.

Sobre a falha do Newton, Sculley observou: “Nós tivemos a idéia certa, mas não tivemos o talento único de Jobs para criar um produto que pudesse promover mudanças culturais”.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail