Home > Notícias

Fabricante de clones de Mac para de vender software de clonagem

Rebel EFI foi suspenso voluntariamente pela empresa que é alvo de processos jurídicos contra a Apple

Computerworld/EUA

28/12/2009 às 10h54

Foto:

A fabricante de clones de Macs, Psystar, suspendeu a venda do software Rebel EFI capaz de instalar o sistema operacional da Apple, Snow Leopard, em computadores configurados com processadores Intel. O utilitário era vendido sem a permissão da Apple pelo preço de 50 dólares.

A venda de computadores não autorizados também está suspensa por ordem da justiça norte-americana, que segundo a empresa, deve ser retomada "nos próximos dias". Essas máquinas virão configuradas com o sistema operacional Linux ao invés do Mac OS X.

Veja também:

> Como funciona a instalação do Snow Leopard no PC

Psystar começou a vender clones de Mac em abril de 2008 e vem brigando na justiça norte-americana contra a Apple desde julho de 2008. A empresa foi acusada de violar os direitos autorais da Apple ao instalar o Mac OS X em seus próprios computadores. O Rebel EFI foi lançado em outubro de 2009 e funciona como um programa de virtualização que torna compatível a instalação do Snow Leopard em PCs com processadores Intel.

A Psystar alega que, ao vender o Rebel EFI, a responsabilidade de instalação do Mac OS X é apenas dos consumidores, que têm que obter uma cópia do sistema operacional para instalá-lo no computador comprado da Psystar ou de outra empresa.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail