Home > Notícias

Fabricantes de chips devem por os pés no freio este ano, diz Gartner

Instituto de pesquisas não acredita que setor consiga passar imune por todos os problemas econômicos em países como Estados Unidos.

IDG News Service/Taiwan

25/08/2008 às 9h26

Foto:

Conforme o consumidor passar a gastar
menos com eletrônicos, o setor de semicondutores vai ver o seu crescimento
reduzido neste ano, defendeu um analista do Gartner nesta segunda (25/08/08). Os
problemas de crédito financeiro e os altos preços em energia são os principais
responsáveis.

Ainda assim, a consultoria vai manter com
poucas alterações a sua previsão para o setor de chips em 2008 - que deve ter
uma atualização publicada ainda nesta semana.

"Não acreditamos que a indústria de semicondutores vai se manter
completamente imune do ambiente macroeconômico. Esperamos que os gastos de
consumidores e empresas em eletrônicos diminuam nos próximos trimestres”, disse
o analista Richard Gordon.

A previsão atual para o setor vê faturamento em 278,4 bilhões de dólares em 2008,
alta de 3,4%. Anteriormente, o Gartner previu quase o dobro de crescimento - 6,2%.

Mesmo mercados como China, Índia, Rússia e América do Sul - que estão vendo
forte crescimento em vendas de PC e celulares - também vão sofrer diminuição do
ritmo de crescimento, escreveu Gordon em nota duas semanas atrás.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail