Home > Dicas

Faça ótimas fotos de seus bichos de estimação

Siga estas dicas simples para deixá-los à vontade e consiga ótimas fotos de seus cães, gatos e até peixes!

Dave Johnson, PC World EUA

23/02/2011 às 13h04

Foto:

As pessoas adoram tirar fotos de seus animais de estimação. Cães, gatos, coelhos, peixes, elas fotografam de tudo. Não é de se espantar, já que eles são parte da família. Mas se as fotos de seu gato são pouco mais que borrões com um par de olhos quase demoníacos, você precisa de ajuda. Aqui estão algumas dicas e truques para conseguir as imagens que seu bichinho merece!

Faça com que eles ajam naturalmente

Parece óbvio, mas é importante fotografar a Fifi de uma forma que a deixe confortável. Se ela adora pular, não faça ela se sentar enquanto você enquadra a cena. É claro que dá para montar um cenário e tentar convencê-la a ficar exatamente na pose que você quer, mas quase sempre você irá conseguir fotos melhores com uma fração do esforço se esperar que seus animais expressem sua verdadeira personalidade. Mantenha a câmera por perto, e fique atento.

cocota-360px.jpg

Aponte a câmera, tenha paciência e espere o momento certo para o clique (Crédito: Rafael Rigues)

Use os brinquedos

Quando estou deitado no chão com a câmera na mão, meus cachorros não querem nada mais do que se aproximar para lamber meu rosto ou a lente da câmera. Se você tem o mesmo problema, há um jeito fácil de distrair seu bichinho: ofereça a ele seus brinquedos favoritos. Você tira a atenção da câmera e ainda pode conseguir boas fotos dele se divertindo.

Tente uma perspectiva incomum

Uma boa regra geral para a fotografia é fazer a foto na mesma perspectiva do objeto fotografado. Como os animais vivem muito mais perto do chão do que nós, então talvez você tenha que se deitar no chão para conseguir captar a essência de sua personalidade. Você também pode conseguir ótimos resultados com perspectivas incomuns, como por exemplo colocar a câmera acima da cabeça de seu cão, com a lente apontando para baixo e chamando a atenção para que ele olhe para ela.

bit-360px.jpg

A perspectiva "de frente" realçou o olhar (e as garras) do gato (Crédito: Rafael Rigues)

Aumente a velocidade do obturador

Animais operam numa frequência que nós, humanos, não conseguimos compreender. Eles se contorcem, viram a cabeça, correm e pulam por motivos desconhecidos nos momentos menos esperados. Ajuste sua câmera para “Prioridade de Obturador” e tente a maior velocidade de obturador que conseguir. Se sua câmera não tem esse ajuste, tente um modo de cena como “esporte” ou “ação”. Se estiver dentro de casa, aumente o ISO para conseguir uma velocidade maior.

Evite o flash

Na hora de fotografar animais o flash da câmera é seu inimigo. Desligue-o e use a iluminação natural sempre que possível, mesmo que para isso seja necessário aumentar o ISO na câmera. O motivo? Em primeiro lugar o flash tende a assustar os animais, e você não quer isso. E além disso ele tende a causar o famoso “olho vermelho”, assim como nos humanos. E mesmo que sua câmera tenha uma função para reduzir olhos vermelhos, ela foi feita para funcionar com olhos humanos, e não é tão eficiente com animais.

Remova os olhos vermelhos

E se seu bichinho aparecer com os olhos vermelhos na foto? Esse problema é muito mais intenso em animais que em pessoas, e difícil de corrigir. Na minha experiência, a melhor ferramenta para resolver o problema está no Corel PaintShop Pro - é o único programa que encontrei que faz um bom trabalho nesse quesito.

cao_olho_vermelho-360px.jpg

Nem todo software se sai bem ao remover "olhos vermelhos" em fotos de animais

Se precisar, espalhe o flash

O flash não é de todo ruim. Se você conseguir difundir a luz ou refletí-la em uma superfície, pode obter ótimas fotos. Se sua câmera tem flash externo, você provavelmente pode adicionar um difusor (um pedaço de plástico branco leitoso) em frente à lâmpada, ou ajustá-la para que a luz rebata no teto ou uma parede branca.

Se sua câmera tem flash integrado você pode tentar um gadget como o LightScoop ou FlashBender, ou mesmo colocar um pedaço de papel sobre a lâmpada na hora do clique. Qualquer uma destas técnicas reduz a possibilidade de olho vermelho e reduz o contraste, produzindo retratos mais suaves e com aparência mais natural.

E os peixes?

Mamíferos não são os únicos animais que as pessoas fotografam. Se você tem um aquário, pode conseguir ótimas fotos de seus peixes se seguir alguns passos simples. Coloque a câmera em um tripé, aumente o ISO, desligue o flash (para que ele não reflita no vidro) e faça as fotos à noite com todas as luzes da sala apagadas, para minimizar ao máximo os reflexos. Por fim, coloque a câmera no modo de foco manual e “trave” o foco no meio do aquário. Solte a cabeça do tripé, e mova a câmera acompanhando o movimento dos peixes. Na hora certa, é só apertar o botão.

peixe_palhaco-360px.jpg

Para fotografar peixes, desligue o flash e apague as luzes

Mantenha a câmera por perto

Sua câmera vai distrair seus bichinhos nas primeiras vezes em que eles a virem (especialmente os cães). Mas se você deixar ela por perto quando eles estão brincando ou descansando eles irão se acostumar com ela, o que significa que você poderá bater as fotos enquanto eles estiverem calmos e agindo de forma natural (vide a primeira dica). E mantendo a câmera sempre à mão, aumentam suas chances de capturar aquele momento adorável.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail