Home > Notícias

Facebook cria ferramentas para combater ciberbullying

Em conferência na Casa Branca, rede social anuncia opção de notificação direta a infratores e possibilidade de incluir fiador à denúncia.

Redação do IDG Now!

10/03/2011 às 12h03

Foto:

O Facebook anunciou que vem trabalhando em um conjunto de ferramentas
para proteger o usuário de ações de intimidação (bullying) e criar uma “cultura
de respeito”, informou o Mashable nesta quinta-feira (10/3).

O anúncio foi feito durante conferência para prevenção de
bullying organizada pela Casa Branca em Washington, capital dos Estados Unidos, e que teve a presença do presidente Barack Obama.

“O Facebook defende uma cultura de respeito de várias formas”,
afirmou a rede social, em sua página voltada a segurança. “Por exemplo, nós exigimos
que as pessoas usem seus nomes e identidades reais, para que possam responder
por suas ações.”

Segundo o Facebook, até então os usuários podiam alertar o site diretamente
sobre ações de intimidação ou que violassem seus termos de uso. Agora, no
entanto, a rede social vai oferecer a opção de enviar uma mensagem particular
ao autor do conteúdo ofensivo.

E, se decidir informar diretamente o Facebook, o usuário poderá
incluir como referência uma figura de autoridade reconhecida, como pai, mãe ou
professor, como contato do informe de incidente.

“É nossa esperança que recursos como esses ajudem não apenas
a remover o conteúdo ofensivo, mas também ajudar as pessoas a chegar à raiz do
problema. Nós temos testado e melhorado a denúncia social nos últimos meses e
em breve ela estará disponível globalmente”, detalhou o site.

Atualmente, a possibilidade de denunciar conteúdo está
disponível para fotos e publicações no mural. O site planeja
estender a funcionalidade a perfis, grupos, páginas e eventos “em breve”,
informou.

O Facebook também vai atualizar seu Centro de Segurança com
vídeos educativos e conteúdos de especialistas reconhecidos, além de material
que poderá ser baixado e utilizado em debates e discussões.

Países como o Reino Unido também buscam atuar com mais rigor no combate ao bullying. A polícia britânica divulgou no fim de fevereiro que vai atuar de forma mais firme no combate ao ciberbullying, especialmente os praticados em redes sociais. Entre as medidas a serem adotadas estão a notificação do acusado e de sua família.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail