Funcionário da NASA diz que asteroide pode colidir com a Terra ainda este ano

O impacto teria 150 mil vezes a força da explosão da bomba nuclear de Hiroshima

Foto: Shutterstock
https://pcworld.com.br/funcionarios-da-nasa-diz-que-asteroide-pode-colidir-com-a-terra-ainda-este-ano/
Clique para copiar

Apesar de as chances serem de uma em onze milhões, um asteroide de tamanho colossal pode atingir o planeta Terra no dia 03 de outubro de 2019.

Após anos de observações, rastreadores da NASA identificaram que o FT3, uma rocha espacial enorme, tem sua órbita no cinturão entre Marte e Júpiter. Porém, ele pode se desviar em episódios pontuais e fazer estragos estratosféricos, literalmente.

Por suas dimensões monstruosas, que compreendem 55.000.000.000 kg e 340 metros de diâmetro, um asteroide como esse seria capaz de acabar com a vida na Terra. A rocha espacial chegaria na atmosfera do planeta a 45.500km/h e sua explosão seria equivalente a uma causada por 2.700.000.000 toneladas de TNT – para efeito de comparação, a bomba nuclear que atingiu Hiroshima, em 1945, possuía entre 13.000 e 18.000 toneladas de TNT.

Mesmo que já se saiba dos riscos, a rota exata que o asteroide seguirá só pode ser confirmada em uma data mais próxima ao evento, portanto, é importante que se mantenha a monitoração constante desse e de outros objetos espaciais. Além disso, a própria NASA declarou em seu site que “um asteroide em uma trajetória de impacto com a Terra não poderia ser abatido nos últimos minutos ou mesmo horas antes do impacto”.

De acordo com Robert Frost, instrutor e controlador de voo da NASA, nem com dois meses de antecedência os governos do mundo seriam capazes de impedir um acontecimento como esse. “Os filmes nos dizem que eles [os governos] manteriam isso em segredo. Há muito sentido nisso, já que o pânico em massa pode ser mais perigoso do que o evento real. Mas minha experiência trabalhando no governo é que o governo realmente não é bom em manter segredos”, conta o funcionário.

Após essa possibilidade de convergência, a agência identificou que o FT3 pode se chocar com a Terra em mais duas outras datas no futuro: 2 de outubro de 2024 e 3 de outubro de 2025.

Fonte: Express UK

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site