Home > Notícias

Gastos com segurança são reduzidos em 32% das empresas

Delloite revela que embora problemas com vulnerabilidades preocupem as empresas, só 5% delas esperam aumentar investimentos.

Redação do COMPUTERWORLD

18/05/2009 às 16h55

Foto:

Levantamento global da consultoria Deloitte mostra que 32% dos departamentos de segurança de indústrias de alta tecnologia, de mídia e de telecomunicações estão enfrentando redução nos orçamentos para segurança da informação. Somente 5% delas afirmaram que o orçamento crescerá.

A pesquisa, realizada com mais de 200 empresas, também indicou que os gerentes de segurança estão menos inclinados a investir de imediato em novas tecnologias do que estavam em 2007, quando a pesquisa anterior foi realizada. Naquele ano, 67% dos entrevistados responderam que se consideravam pioneiros na adoção de novas tecnologias de segurança. Na pesquisa atual, o número caiu para 53%.

A queda de investimento, no entanto, não significa que os departamentos estão satisfeitos com as soluções atuais. Ao contrário, somente 28% das empresas ouvidas sentem-se protegidas contra ataques internos, provocados por pessoas que fazem parte da organização.

Os números mostram também que caiu o número de empresas que contam com um gestor de segurança, responsável por lidar com processos de gerenciamento de dados de acordo com as leis e as práticas da empresa. Em 2007, metade das empresas pesquisadas contavam com tal profissional; hoje, eles estão presentes em apenas 44% das empresas.

pcw_logo_twitter_73.jpg
> Siga PC WORLD no Twitter em http://twitter.com/pcworldbrasil

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail