Home > Notícias

Genbibre é uma espécie de Twitter brasileiro para posts de voz

Em menos de uma semana, plataforma ganhou 3 mil usuários, interessados em gravar mensagens de voz com duração de até 10 minutos.

Lygia de Luca, repórter do IDG Now!

24/10/2008 às 18h27

Foto:

O Brasil ganhou, na última quarta-feira (22/10), um serviço para a publicação de posts de voz. O Gengibre, inspirado na popular plataforma de microblogging Twitter, foi idealizado por Cazé Pecini e Rodolfo Sikora, responsáveis pelo site colaborativo Gafanhoto. Até ontem (27/10), o Gengibre registrou mais de 3 mil usuários e tem cerca de 400 posts publicados, segundo Pecini.

Para publicar uma mensagem de voz, após se cadastrar no Gengibre com seu número de telefone, o usuário deve ligar a um celular para gravar a mensagem, com tempo máximo de 10 minutos. “Há um número por Estado, mas de qualquer cidade é cobrado o valor de uma ligação local”, explica Pecini. Só os DDDs 87, 89 e de 91 a 99 pagam interurbano para discar para o 81.

O sistema foi viabilizado graças a parceria com a Claro, e os números oferecidos equivalem à cobertura da operadora - seus clientes podem discar para *085 para acessar o Gengibre.

Quando o usuário liga para publicar, seu número é reconhecido e o post encaminhado automaticamente para seu perfil. A inspiração para o Gengibre vem do Twitter, assume Pecini. “Já usava o serviço e fiquei pensando que seria legal ter algo falado, porque a voz tem emoção. Além disso, algumas pessoas têm dificuldade de construir pensamentos por escrito, e a fala é mais natural.”

Sikora foi o responsável pela parte técnica do projeto, desenvolvido por cerca de 12 meses antes do lançamento. “Buscamos criar tudo da forma mais simples, desde os botões do serviço, em formato ‘tijolão’, até o acesso - se você tem um telefone, liga e faz, independente se ele é um smartphone ou um modelo pré-histórico”, conta Pecini.

A ferramenta é usada para todos os propósitos, da divulgação de eventos a posts inusitados. Segundo Pecini, até agora “teve gente que cobriu o show do Kanye West com o Gengibre e há quem use para cantar.”

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail