Home > Notícias

Google I/O começa amanhã em meio a rumores de atualização do Android

São grandes também os rumores de apresentação de modelos de relógios inteligentes baseados no Google Wear

Matt Hamblen, Computerworld/EUA

24/06/2014 às 11h35

Foto:

A  Google I/O, conferencia anual para desenvolvedores, começa amanhã em
meio a especulações de que uma nova versão do sistema operacional Android será
anunciada. Talvez aquela mais integrada ao Google Chrome OS.

Outra grande expectativa gira em torno do lançamento de smartwatches baseados
no sistema operacional Google Wear, lançado em março. Tanto a Google e quanto
outras empresas como a LG devem ter novidades.

A palestra de abertura começa às 09:00 PT (12:00 ET), em San Francisco, com
transmissão online, ao vivo. As sessões programadas para o evento, todas
relação direta com o tema da conferência "Projetar, desenvolver e
distribuir", e  também serão transmitidas ao vivo.

Esse tema geral indica um forte foco em funcionalidade multi-plataforma, embora
a agenda da conferência também prometa discussão sobre muitas tecnologias de
ponta.

Várias reportagens citando fontes não identificadas afirmam que o Quantum
Paper
será uma das estrelas do evento.

Depois do lançamento do Fire Phone, da Amazon, uma das sessões ao vivo mais
esperada está marcada para quinta-feira às 09:00. PT, quando os engenheiros do
Google vão falar sobre várias iniciativas, incluindo Projeto Tango, para
construção de smartphones e tablets que incorporam movimento 3D e recursos de
detecção de profundidade.

Um dos componentes do projeto é um smartphone Android com tela de 5”
feito sob medida para a Nasa, capaz de algo especial: rastrear sua posição
absoluta e orientação mais de 250 mil vezes por segundo, ao mesmo tempo em que
gera um mapa tridimensional de qualquer coisa para a qual esteja apontado.

Provável atualização do Android - Quanto ao Android, parece ser o
momento certo para uma atualização. O Android 4.4, KitKat, foi lançado em
outubro passado e muitos analistas esperam uma versão 5.0 do Android (a ser
chamada de Lollipop, ou possivelmente  Licorice). Várias outras versões do
Android foram anunciadas em intervalos de  cinco a oito meses entre elas.

Outros relatos, no entanto, indicam Google vai lançar Android 4.5, não 5.0.

O momento também é bom para algum tipo de integração Chrome no Android.

No início de 2013, o Google colocou o Android também sob responsabilidade do
chefe da divisão Chrome, Sundar Pichai. Em maio ele disse que o Google iria
continuar a abraçar ambos os sistemas operacionais separadamente,
acrescentando: "Mas isso pode mudar em um ou dois anos a partir de agora
...."

Por outro lado, o presidente executivo do Google, Eric Schmidt, disse em março
2013, que os dois sistemas operacionais permaneceria separado "por muito,
muito tempo."

Uma maneira pela qual o Android e o Chrome poderiam se aproximar seria através
do uso de HTML5 na construção de aplicativos baseados na web para rodar em
ambas as plataformas.

Smartwatches no Google I/O - É grande a  especulação também sobre o
lançamento de um smartwatch Google. O mais provável é que fabricantes como Motorola e LG
mostrem seus modelos de relógio inteligente usando o Google Wear.
Dispositivos da Fossil e HTC também podem surgir.

Melhorias de segurança para o Android - Quatro analistas que ouvi
disseram que o Google precisa investir em recursos que tornem o Android mais
seguro, especialmente para uso empresarial.

A Samsung já construiu seu próprio conjunto de ferramentas, chamado Knox,
destinado a ajudar os gerentes de TI a lidar com BYOD. Então por que não a
própria Google retomar questões de segurança mais diretamente?

"A segurança tem sido um problema sério para a plataforma Android e isso
tem de ser resolvido antes de o
Android passar a ser proibido pelas empresas", disse Rob Enderle, analista
do Enderle Group.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail