Home > Notícias

Google irá notificar administradores de sites contaminados

Responsáveis terão tempo para retirar as "pragas" de suas páginas antes que elas sejam adicionadas à lista negra do serviço de busca

IDG News Service

15/10/2010 às 15h44

Foto:

A Google adicionou um recurso de notificação de URLs que tenham sido invadidas e usadas para golpes phishing, permitindo aos administradores descobrir se seus sites estão contaminados.

A ferramenta existe desde setembro, mas agora deixou de ser experimental. Ela envia alertas aos gerenciadores dos servidores quando encontra arquivos maliciosos  em suas páginas. Por mais que eles não sejam os responsáveis pela manutenção e atualização do site, poderão alertar aqueles que o controlam.

Frequentemente, hackers invadem portais com segurança insuficiente de modo a torná-los uma arma para suas ações criminosas, enganando usuários e arrancando-lhes informações sensíveis. Por isso, muitas vezes, sites são adicionados à lista negra do Google sem que seus responsáveis tenham feito algo de errado.

Graças às novas tecnologias de segurança que os browser vêm incorporando, sites fraudulentos costumam ser identificados rapidamente. Os navegadores mais populares – do Internet Explorer ao Opera – possuem recursos específicos para tal fim.

Segundo Nav Jagpal, da equipe de segurança digital da Google, os avisos também poderão ser enviados em formato XML, o que ajudaria administradores a automatizar as funções para as quais eles seriam utilizados.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail