Google remove app com malware baixado por mais de 100 milhões de usuários

Ferramenta maliciosa estava na ativa desde 2010

Foto: Shutterstock
https://pcworld.com.br/google-remove-app-com-malware-baixado-por-mais-de-100-milhoes-de-usuarios/
Clique para copiar

O Google removeu da Play Store um aplicativo que propagava conteúdo malicioso nos dispositivos Android. Segundo dados da empresa russa Kasperksy, a ferramenta foi baixada por mais de 100 milhões de usuários desde 2010, quando foi disponibilizada na loja de apps do sistema operacional.

O app em questão se chamava CamScanner, e consistia em um popular serviço gratuito para escanear documentos PDF. Criado pela companhia chinesa CC Intelligence, o programa se monetizava por meio de anúncios. O problema é que versões mais recentes do aplicativo incluíam Trojan disfarçado de propaganda que instalava malware nos aparelhos Android.

“O código malicioso poderia mostrar anúncios invasivos e inscrever usuários em assinaturas pagas”, disse a empresa de segurança Kaspersky. O malware também conectava o usuário a um servidor e baixava informações adicionais – tudo isso, claro, sem permissão dos donos dos smartphones.

O CamScanner não está mais disponível na Play Store. Enquanto ativo, o app tinha 1.8 milhão de opiniões dos demais usuários, sendo que a maioria dos relatos elogivava o uso da ferramenta. No entanto, o número de análises negativas subiu repentinamente, o que levou a Kaspersky a investigar o ocorrido. Até o momento, a versão para iOS do CamScanner continua ativa na App Store.

Fonte: ZDNet

tags

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site