Home > Notícias

Governo dos EUA investiga proibição do Google Voice para o iPhone

Comissão Federal de Comunicação questiona Apple, operadora AT&T e Google sobre rejeição deste e outros aplicativos na iPhone App Store

IDG News Service

03/08/2009 às 8h51

Foto:

A Comissão Federal de Comunicação dos Estados Unidos (FCC) escreveu para a fabricante de eletrônicos Apple, a operadora norte-americana AT&T e a empresa de internet Google questionando a rejeição do Google Voice e outros aplicativos na iPhone App Store.

O serviço para centralização de chamadas e gravação de recados já possui aplicativos para os smartphones BlackBerry e celulares com o sistema operacional Android, do Google.

Em uma carta enviada na sexta-feira (31/7) à Apple, a agência perguntou à empresa por que o Google Voice e aplicativos similares - baseados no programa do gigante de buscas - não foram aceitos na loja, e qual participação a AT&T pode ter na decisão.

Além disso, a FCC questionou qual é a diferença entre o aplicativo do Google e outros softwares de voz sobre IP (VoIP), já aprovados para o iPhone.

O processo de aprovação da Apple para aplicativos voltados ao seu celular com tela sensível a múltiplos toques tem sido criticado, uma vez que é imprevisível e pouco claro.

A agência exige que todas as empresas respondam até o dia 21 de agosto.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail