Home > Notícias

Governo está disposto a renovar MP de incentivo à indústria eletrônica

Segundo diretor de informática da entidade, diálogo com os setores do poder público responsáveis pela manutenção da lei é positivo.

Rodrigo Afonso, da COMPUTERWORLD

01/10/2009 às 15h00

Foto:

A medida provisória 340 (MP do Bem) vence no final de 2009, mas o Governo está dando sinais de que pretende renovar a lei para manter o incentivo à indústria de computadores, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee).

A lei isenta de PIS e Cofins equipamentos de até R$ 4 mil e reduz em 50% as obrigações dos fabricantes de investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D). Segundo o diretor da área de informática da Abinee, Hugo Valério, a lei teria sido responsável pela redução do mercado ilegal de PCs. Até 2005, o mercado negro ocupava 75% do mercado. Hoje a participação é de 35%.

Valério diz que os contatos com o governo estão correndo muito bem e que a percepção do setor é de que o poder público encara a lei como um dispositivo de crescimento econômico e de incentivo ao uso de ferramentas por todas as classes econômicas da população.

Segundo informações da Abinee, a indústria brasileira produziu cerca de oito milhões de computadores em 2008. "Se o setor fechar 2009 com o mesmo patamar do ano passado, terá destaque na economia em crise. Essa é nossa expectativa", afirma Valério.

O setor de PCs está otimista também quanto ao desempenho em 2010. De acordo com Valério, se todas as previsões econômicas estiverem corretas, o segmento deve voltar ao patamar de crescimento anterior à crise, que estava entre 15 e 20%.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail