Home > Notícias

Gravadoras e estúdios britânicos querem a desconexão de piratas da web

Paralelo ao que ocorre na França, organizações pressionam governo por medidas para cortar acesso de internautas piratas.

Redação da PC Advisor / Reino Unido

13/05/2009 às 18h59

Foto:

Na mesma semana em que a França aprovou uma legislação que bloqueia o acesso à web por "piratas" de conteúdo multimídia, grupos que representam estúdios de cinema e gravadoras britânicos intensificaram a pressão para que o governo do reino Unido tome atitude semelhante.

A British Phonographic Industry (BPI), a Federation Against Copyright Theft (FACT) e mais 12 organizações que representam a indústria do entretenimento assinaram um anúncio conjunto, detalhando recomendações que deveriam ser incluídas no relatório Digital Britain Report.

O documento, que será publicado em 16 de junho, apresentará estratégias cobrindo todos os aspectos tecnológicos e uma perspectiva do futuro no país. Além de formas de diminuir a pirataria online, o relatório também proporá maneiras de instalar acessos de até 2 Mbps e redes de fibra óptica por todo o país.

"O crescimento do compartilhamento ilegal de arquivos por P2P ameaça a criatividade da indústria já que filmes deixam de ser feitos, vendas de DVDs se deterioram e empregos são perdidos na produção e distribuição de conteúdo", afirmou John Woodward, chefe do UK Film Council.

Na contramão, a organização de provedores Internet Service Providers Association (ISPA) se diz contra a carta aberta. A entidade afirma estar decepcionada com o fato de as indústrias criativas continuarem a pedir leis que punam sem antem considerar a reforma do sistema de licenciamento de conteúdo.

O conselho responsável pelo Digital Britain Report está trabalhando com as empresas de mídia Virgin Media, Channel 4 e BSkyB em esboçar uma estratégia que tentará prevenir o download ilegal de conteúdo por punições aos usuários pegos.

pcw_logo_twitter_73.jpg
> Siga PC WORLD no Twitter em http://twitter.com/pcworldbrasil

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail