Home > Notícias

Hitachi anuncia HD para PCs ultra-leves com apenas 6 mm de espessura

Novos drives serão usaros em PCs, notebooks, câmeras de vídeo e set-top-boxes

Lucas Mearian

01/06/2010 às 17h51

Foto:

FRAMINGHAM (01/06/2010) - Atendendo aos pedidos de fabricantes de equipamentos ansiosos por produzir uma nova geração de notebooks ultra-finos, a Hitachi GST anunciou hoje uma nova linha de discos rígidos com espessura de apenas um quarto de polegada (6.37 mm), 26% mais finos que os discos em uso na maioria dos notebooks e netbooks atuais.

"Os netbooks atuais não são necessariamente finos. Eles são baratos. O que os fabricantes querem é evoluir além do netbook "padrão" para modelos ultra-finos e leves", disse Brendan Collins, vice-presidente de marketing da Hitachi GST. "Eles estão tentando adicionar valor e levar os consumidores para um novo patamar de preço, de cerca de US$ 300 para algo na faixa dos US$ 500 a US$ 600".

Collins disse que os notebooks ultra-leves para os quais os novos discos estão sendo produzidos focam em um segmento de mercado entre os netbooks mais baratos e os notebooks ultra-finos de topo de linha como o MacBook Air. 

Os novos discos da série Z da Hitachi tem 0.27 polegadas (6.37 mm) de espessura e um único "prato" com capacidade de 320 GB, a mesma de seus antecessores de 0.37 polegadas. Segundo Collins, a Hitachi não informa o preço sugerido para os novos discos porque os vende apenas a fabricantes de equipamentos e revendedores, que são quem determina o preço final.

A Hitachi informa que a redução na espessura dos discos foi um pedido de fabricantes de notebooks como a Dell, HP, Lenovo e Acer, que estão planejando produzir portáteis mais finos e mais leves. Os novos discos, entretanto, poderão servir a múltiplos mercados, incluindo set-top-boxes ligadas a TVs e media players portáteis, disse Collins.

"Acredito que veremos estes notebooks ultra-leves e ultra-finos no mercado por volta do terceiro trimestre deste ano", declara Collins.

A série Z inclui três discos: o Travelstar Z7K320, um disco de 7200 rpm com 16 MB de cache para uso em notebooks de alto desempenho, ultraportáteis e netbooks, o Travelstar Z5K320, um disco de 5400 rpm e 8 MB de cache com baixo consumo de energia, baixo custo e menos ruído para ultraportáteis e o CinemaStar Z5K320, um disco de 5400 rpm com 8 MB de cache para uso em dispositivos dedicados a streaming de vídeo, como set-top-boxes, media players portáteis, TVs com gravador digital de vídeo e sistemas de vigilância.

Discos da família Z5K320 estarão disponíveis em grande quantidade a partir de julho e o Z7K320 estará disponível a partir de agosto, disse Collins. "A capacidade de 320 GB é o ponto de equilíbrio do mercado hoje", diz ele.

Discos rígidos com um único prato representam 70% do mercado de discos para PCs na atualidade, segundo o executivo. Discos com dois pratos são usados para modelos com capacidades entre 1 TB e 2 TB.

"Idealmente, estes novos discos poderão ser usados em netbooks, notebooks ultra-finos e ultra-leves e também em notebooks mais sofisticados. Você pode usá-los em praticamente qualquer modelo", disse Collins. "Isto é uma grande mudança".

Os novos discos são mecanicamente compatíveis com seus antecessores, o que significa que a interface Serial ATA (SATA) e furos para fixação ao gabinete são os mesmos, permitindo uma simples troca de um modelo pelo outro mesmo em laptops.

Segundo a Hitachi, considerando medidas como o custo por gigabyte e gigabyte por centímetro cúbico os discos da série Z tem melhor custo-benefício e são mais eficientes em termos de espaço que os discos SSD ou os HDs de 2.5 e 1.8 polegadas, que também estão disponíveis em modelos com capacidade de 320 GB.

SSDs podem custar 17 vezes mais que um HD da mesma capacidade e discos de 1.8 polegadas podem ser 7 vezes mais caros, considerando o custo por gigabyte, quando comparados aos novos discos Hitachi da série Z, diz a empresa em seu material de marketing.

De acordo com a empresa de pesquisa de mercado Forward Insights, para os fabricantes de PCs, notebooks e netbooks um disco SSD custa atualmente US$ 1,90 por gigabyte, contra US$ 0,30 por gigabyte em um HD.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail