Home > Notícias

HP lança computador Sprout com duas telas touchscreen

Com preço sugerido de US$1.900 nos EUA, máquina aposta em tecnologias inovadoras de imagem e toque para conquistar consumidor do mercado de PCs.

PC World / EUA

29/10/2014 às 18h15

hpsprout_520.jpg
Foto:

Com o novo computador Sprout, da HP, nós literalmente voltamos para a mesa de desenho quanto ao que uma máquina pode fazer. Sim, há um PC super completo nesse aparelho de 1.900 dólares, anunciado nesta quarta-feira, 29/10, durante um evento em Nova York, nos EUA. Mas a HP estende as capacidades do Sprout ao adicionar tecnologias poderosas de imagem e toque.

De uma maneira realmente inovadora, o Sprout inclui uma segunda “tela” que é, na verdade, uma superfície habilitada para o toque chamada de Touch Mat. Pense nela como uma sketchpad virtual: usando o dedo, você pode selecionar uma imagem da tela principal, levá-la para a Touch Mat, e manipulá-la com as suas mãos – sem precisar de mouse ou teclado para isso. É uma proposta ousada para reinventar a maneira como usamos os computadores, vindo de uma empresa que também está tentando se reinventar.

hpsprout03.jpg

Do pensamento para a experiência

A HP chama o Sprout de uma “plataforma de computação imersiva”. 

“Temos essa noção de ir do pensamento para a experiência”, afirmou Eric Monsef, VP de Sistemas Imersivos da HP. “Que tipo de experiência posso conseguir com duas telas e superfície sensível ao toque?”

A segunda tela – abaixo do monitor de 23 polegadas e 10 pontos touchscreen da “parte PC” do Sprout – é a Touch Mat. Ela tem 20 polegadas e 20 pontos touchscreen que a fazem parecer com um mousepad gigante. 

A tecnologia de toque está incorporada embaixo da superfície da Mat. Essa superfície, explica Monsef, foi desenvolvida em parceria com a 3M para ser extremamente durável. “É resistente a riscos e pode ser limpada, mesmo de canetas de tinta permanente.”

Illuminator

Outra inovação do Sprout é o Illuminator, um conjunto de tecnologias de imagem embutidos em um “braço” que sai da parte de cima da tela do computador (veja foto abaixo). Ele incorpora uma câmera digital de 14,6MP, um projetor DLP, e uma câmera RealSense 3D, da Intel – essa câmera permite ao Illuminator escanear objetos de modo que esses scans parecem mais tridimensionais do que uma imagem tradicionalmente escaneada.

hpsprout02.jpg

Futuro

O Sprout faz coisas que nenhum outro PC faz. Isso pode ser algo revolucionário – ou poderia prender o Sprout em um nicho. Mas Monsef afirma que a HP está comprometida em desenvolver o conceito do Sprout em longo prazo. “Esse é apenas um produto. Temos uma visão”, promete.

A HP está adotando uma abordagem cuidadosa para lançar o Sprout. Planeja enviar algumas centenas de unidades para usuários beta – “fabricantes, desenvolvedores, pessoas do mercado de TI, educadores”, como Monsef descreveu esse grupo – para que a empresa possa “ouvir e aprender”. A companhia já está realizando a pré-venda do aparelho nos EUA, com a data de envio marcada para 9 de novembro. 

E aí, será que o Sprout vai “pegar”? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail