Home > Notícias

Huawei desiste de smartphones “dual-boot” com Android e Windows Phone

Aparelho havia sido confirmado por executivo da empresa. O motivo para a súbita "mudança de idéia" não foi explicado.

Jared Newman, PCWorld EUA

21/03/2014 às 19h18

Foto:

A Huawei abandonou planos anunciados recentemente para produzir um smartphone "dual-boot" capaz de rodar tanto o Android quanto o Windows Phone.

A empresa declarou ao site FierceWireless que "no nomento não há planos para lançar um smartphone com dois sistemas operacionais (Dual-OS) num futuro próximo", apesar de declarações passadas de um executivo da empresa.

O executivo em questão é Shao Yang, Diretor de Marketing da Empresa, que declarou: "se os consumidores tiverem o Android e o Windows Phone juntos, poderão alternar entre eles à vontade, e ficará muito mais fácil para as pessoas escolher o Windows Phone". 

A Huawei confirmou ao FierceWireless que os planos mudaram, mas não deu uma explicação. A empresa planeja lançar novos Windows Phone neste ano, embora a maioria dos seus aparelhos rode o Android.

Rumores sobre aparelhos com os dois sistemas começaram no final do ano passado, com a Microsoft apresentando a idéia para a HTC. Mas por enquanto o único fabricante de aparelhos, além da Huawei, a mencionar a possibilidade foi a Karbonn Mobile, uma empresa indiana, que anunciou seus planos para smartphones com os dois sistemas no início deste mês. Mas a empresa não entrou em detalhes sobre como o aparelho irá funcionar.

Enquanto isso, Microsoft e Google estão supostamente pondo um fim aos planos de fabricantes para PCs que rodam tanto o Windows quanto o Android. De acordo com o Wall Street Journal, a ASUS cancelou seu Transformer Book Duet depois de mostrar o aparelho durante a CES em Janeiro, e irá encerrar as vendas de seu Transformer All in One.

O Journal citou um memorando interno da ASUS que mencionava uma "nova política" da Microsoft de não suportar produtos com dois sistemas operacionais, embora a Microsoft afirme que suas políticas de suporte não mudaram. Uma fonte sugeriu que problemas com patentes eram a causa. No ano passado a Samsung anunciou um notebook com dois sistemas, o Ativ Q, mas alega-se que problemas com patentes impediram que ele chegasse ao mercado.

Não está claro que a mudança nos planos da Huawei para seus smartphones com dois sistemas está ligada ao subito fim dos PCs Dual-OS, ou se esta é apenas uma coincidência.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail