Home > Notícias

Idade já não é mais parâmetro na habilidade de usar tecnologia

Levantamento feito nos EUA sob encomenda da Motorola conclui que predisposição a novas mídias é alta em todas as principais faixas etárias.

Redação do IDG Now!

03/12/2009 às 21h25

Foto:

A idade do consumidor já não é capaz de determinar sua predisposição ou habilidade para usar serviços ou tecnologia multimídia. Essa foi a conclusão de estudo da StrategyOne, encomendado pela divisão de mobilidade da fabricante norte-americana Motorola.

Os resultados foram divulgados esta quinta-feira (3/12) pela empresa e fazem parte do Barômetro de Consumo de Mídia 2009, elaborado pela consultoria StrategyOne. A pesquisa ouviu mil norte-americanos entre 16 e 64 anos, que foram classificados em três categorias, de acordo com a geração a que pertencem: Boomers, Geração X e Jovens do Novo Milênio.

Embora o índice de predisposição à utilização de serviços e de tecnologia multimídia varie de acordo com a idade, o levantamento encontrou índices altos de aceitação em todas as faixas etárias.

Sempre online

Estar disponivel o tempo todo, por exemplo, mostrou ser uma necessidade para 79% dos jovens, 64% da Geração X e 65% dos Boomers. Já em relação a permanecerem conectados, o índice é ainda maior: 80% dos jovens, 78% da Geração X e 78% dos Boomers têm interesse em ficar online o tempo todo.

Sobre a influência que uma geração exerce nas outras, a pesquisa revelou que essa interferência é mútua: 62% dos pertencentes à Geração X dizem influenciar seus pais, ao passo que 79% dos Boomers dizem influenciar seus filhos.

Em relação aos jovens, 76% dizem influenciar seus pais da Geração X; no sentido inverso, 87% dos pertencentes à Geração X dizem influenciar os jovens.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail