Home > Dicas

Decida pelo celular mais que perfeito

Aparelho para tirar fotos, ouvir MP3 ou apenas falar? Saiba o que importa antes de colocar a mão no bolso.

Daniel dos Santos

13/07/2005 às 9h36

Foto:

Quem tem, sonha com um modelo mais moderno. Quem ainda não tem, pensa em adquirir um. São centenas de modelos de telefone celular. As opções começam em 99 reais, para quem quer apenas falar ao telefone, e chegam a 4.000 reais em versões sofisticadas, com aparelhos que incluem handheld, câmera fotográfica digital e tocador de MP3.

Qual escolher? Primeiro, é preciso saber para qual finalidade ele será utilizado e quanto quer gastar. “Para quem não pretende gastar muito, funções como vibracall, envio de mensagem de texto e joguinhos são suficientes”, explica Ricardo Bárbara, gerente de produto da Motorola.

Quer mais recursos? Vários modelos com preços a partir de 800 reais permitem tirar fotos, por exemplo. Mas é preciso saber que a resolução costuma ser baixa. Ou seja, não substituirá uma câmera digital se a intenção é ter a foto impressa no papel. CDMA, GSM ou TDMA?

Segundo Rusty O’ Brian, diretor da área de consultoria da IDC Brasil, o tipo de tecnologia não faz diferença para quem precisa apenas dos recursos básicos. “Consumidores interessados em funções mais avançadas devem optar por GSM ou CDMA, pois o TDMA possui limitações tecnológicas”, explica o especialista.

Preocupado com o conforto para o uso diário? Aparelhos com flip dificultam o uso com apenas uma mão. Já quem preferir um modelo sem proteção para o teclado deve se certificar de que haja função para bloqueio de teclas, para evitar que sejam feitas ligações por acidente. Também vale testar o equipamento para ver, por exemplo, se os botões não são muito pequenos, o que dificulta a discagem e o envio de mensagens de texto.

O peso é outro item a considerar. Modelos compactos começam em 80 gramas. Já celulares com funções de handheld incluem telas maiores e chegam a 150 gramas. Tempo de conversação? O ideal é que a bateria proporcione no mínimo 150 minutos de bate-papo, e pelo menos quatros dias em modo de espera. Vale lembrar que o tempo de uso reduz a duração da bateria. Para quem fala muito ao telefone, uma unidade extra de alta capacidade é boa pedida.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail