Home > Notícias

Microsoft adota trava antipirataria em sites

A Microsoft pretende colocar, até a metade do ano, uma trava antipirataria em dois de seus websites para que todos os usuários de Windows XP e Windows 2000 validem as cópias dos programas antes de baixar softwares, revelou a companhia na terça-feira (25/01).

Joris Evers

15/07/2005 às 14h47

Foto:

A Microsoft pretende colocar, até a metade do ano, uma trava antipirataria em dois de seus websites para que todos os usuários de Windows XP e Windows 2000 validem as cópias dos programas antes de baixar softwares, revelou a companhia na terça-feira (25/01).

A trava será colocada nos sites Download Center e Windows Update Web, que oferecem aplicações como Windows Media Player e Windows AntiSpyware, assim como atualizações de segurança de outros softwares da Microsoft.

O processo de validar o código não será necessário para as atualizações automáticas do Windows, segundo afirmou David Lazar, diretor do grupo Windows Client. As atualizações automáticas são funções do Windows usadas para baixar e instalar correções de segurança.

A iniciativa faz parte da estratégia da empresa para combater as cópias piratas dos softwares. Desde setembro do ano passado, cerca de cinco milhões de usuários participaram voluntariamente de um teste feito para anlisar a trava de segurança.

Antes de exigir que os usuários validem suas cópias, a Microsoft planeja ampliar em 7 de fevereiro o teste Windows Genuine Advantage, para aumentar o número de idiomas do Windows XP de cinco para 25, de acordo com o executivo.

Na mesma data, visitantes do Download Center que utilizarem versões noruguesas, tchecas e chinesas do Windows também serão solicitados para participar do teste e validar sua cópia do programa. Os usuários que descobrirem que possuem versões falsas do Windows terão descontos para adquirir a versão genuína.

Essa não é a primeira vez que a Microsoft está checando a legitimidade das cópias do Windows. O Windows Update já verifica um certo número de licenças que são conhecidas por validar cópias piratas.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail