Home > Dicas

Tenho um drive de CD-ROM Troni 52x. Há algum problema em ligá-lo ao disco rígido (que é UDMA 66) e usar o CD-ROM como UDMA66 sem ele ser?

Tenho um drive de CD-ROM Troni 52x e gostaria de saber se ele é Ultra DMA-66 ou mesmo se existe CD-ROM que utiliza esse protocolo? Há algum problema em ligá-lo ao disco rígido (que é UDMA 66) e usar o CD-ROM como UDMA66 sem ele ser?

PC World

19/07/2005 às 18h19

Foto:

Tenho um drive de CD-ROM Troni 52x e gostaria de saber se ele é Ultra DMA-66 ou mesmo se existe CD-ROM que utiliza esse protocolo? Há algum problema em ligá-lo ao disco rígido (que é UDMA 66) e usar o CD-ROM como UDMA66 sem ele ser?
Guilherme Genehr
v0258701@via.com.br
Sim, existem drives de CD-ROM Ultra DMA-66, mas também existem modelos Ultra DMA-33 e inferiores. Um drive de 52x tem taxa de transferência interna máxima de 7,8 Mbps. Portanto, uma taxa de 33 Mbps (Ultra DMA-33) é muito boa para esse tipo de transferência (a taxa externa deve ser consideravelmente maior que a interna). Convém lembrar que no Windows 95, 98 e ME o modo DMA não é ativado automaticamente. É preciso habilitá-lo no Gerenciador de Dispositivos. Clique no ícone CD-ROM, no quadro de configurações, e marque a opção DMA. É preciso também habilitar o modo DMA no CMOS Setup, caso contrário o disco irá operar em PIO modo 4 (16,6 Mbps). O modo DMA será indicado na tela de abertura do boot (modo 4 = 66 Mbps). Não existe problema algum em deixar discos com taxas de transferência diferentes ligados na mesma interface IDE. Entretanto é recomendável, para um PC que possui apenas um disco rígido e um drive de CD-ROM, ligar o disco rígido na interface primária e o drive de CD-ROM na interface secundária. Muitos montadores de micros infelizmente ligam ambos na mesma interface e entregam o PC ao cliente sem o cabo IDE da interface secundária.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail