Home > Notícias

Funcionários relaxam na segurança do PC

Grande parte dos internautas tem um comportamento online mais arriscado no trabalho que em casa, por confiar demasiadamente no departamento de tecnologia da empresa

IDG Now!

17/10/2005 às 17h49

Foto:

Uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira (17/10) pela Trend Micro revela que grande parte dos internautas tem um comportamento online mais arriscado no trabalho que em casa por confiar demasiadamente no departamento de tecnologia da empresa.

Segundo a Trend, quanto mais as empresas investem em segurança, mais os funcionários apresentam um grau de confiança contra vírus, programas espiões, fraudes online (phishing) e camuflagem de websites (pharming).

Dos 1,2 mil participantes da pesquisa, realizada em diversos países do mundo, 39% acreditam que o departamento de TI pode impedir que eles sejam vítimas de programas espiões e fraudes na web.

Desses usuários confiantes, 63% se sentem mais confortáveis clicando em links ou visitando sites suspeitos nas máquinas da empresa, já que estão equipadas com softwares de segurança. Os outros 37% se arriscam porque, caso ocorram problemas, terão suporte da área de TI.

Em uma análise regionalizada, a Trend revela que um em cada três funcionários nos Estados Unidos (34%), e pelo menos um em cada quatro usuários do mesmo tipo na Alemanha (29%) e Japão (28%), admitem ter um comportamento online menos responsável porque o computador não lhes pertencia. Não há números disponíveis para o Brasil.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail