Home > Dicas

Os principais padrões de segurança do Wi-Fi

27/10/2005 às 18h04

Foto:

WEP (Wired Equivalent Privacy)
É um padrão desenvolvido pelo IEEE, cujo objetivo é proporcionar um esquema de proteção para redes sem fio que cumpram o padrão 802.11. O padrão WEP não suporta uma autenticação e uma criptografia seguras, seu único objetivo é proteger os dados de escutas passivas. O algoritmo WEP se baseia em uma chave secreta compartilhada entre o ponto de acesso e os clientes. O WEP utiliza esta chave para codificar toda a informação que circula pela rede.O  WEP utiliza como algoritmo de criptografia o RC4, que foi desenvolvido pela RSA. A chave secreta compartilhada pode ser de 64, 128 ou 256 bits.

WPA-Personal (Acesso Protegido Wi-Fi–Pessoal)
Trata-se de um método de segurança sem fio  que fornece proteção forte dos dados e evita o acesso não autorizado às redes de tamanho pequeno. Utiliza criptografia TKIP e impede os acessos não autorizados à rede mediante o uso de uma chave pré-compartilhada (PSK).

WPA-Enterprise (Acesso Protegido Wi-Fi–Empresarial)
Trata-se de um método de segurança sem fio que oferece forte proteção dos dados para vários usuários e para redes administradas de grande tamanho. Utiliza o sistema de autenticação 802.1X com criptografia TKIP e impede os acessos não autorizados à rede verificando os usuários mediante um servidor de autenticação.

WPA2-Pessoal e WPA2-Enterprise
Melhorando esta série de padrões de segurança apareceram recentemente os padrões WPA2-Pessoal e WPA2-Enterprise, que aperfeiçoam as medidas de segurança correspondentes à proteção dos dados e aos acessos e autenticação dos usuários dos dois padrões anteriores. Utiliza o algoritmo de criptografia denominado AES (Advanced Encription Standard, ou Padrão Avançado de Criptografia).

> Conheça os pontos fracos de uma rede sem fio
> Saiba o que fazer para dificultar um ataque

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail