Home > Notícias

Mercado de servidores cresce e Windows lidera

Após um longo período de corte de custos e compra de servidores apenas para rodar as aplicações já existentes, companhias voltam a investir em sistemas para suportar futuras cargas de trabalho

IDG Now!

23/11/2005 às 13h00

Foto:

Pela primeira vez, o Microsoft Windows foi o sistema operacional líder em novos servidores no terceiro trimestre. O mercado total teve um crescimento robusto de 8,1%, divulgou a empresa de pesquisas IDC nesta terça-feira (22/11).

Após um longo período de corte de custos e compra de servidores apenas para rodar as aplicações já existentes, as companhias voltam a investir estrategicamente em sistemas para suportar futuras cargas de trabalho, disse o analista Matt Eastwood, da IDC.

Segundo o analista, os departamentos de TI mais uma vez estão sendo requisitados para dar suporte ao crescimento.

Também nesta terça, o Gartner reportou um aumento de 5,6% na receita mundial de servidores durante o terceiro trimestre. O aumento nas vendas de servidores que custam menos de 25 mil dólares elevou os resultados da indústria, segundo ambas as companhias de pesquisas.

Windows

As vendas de sistemas Windows responderam por 36,9% da receita de servidores no trimestre, com 31,7% de participação para o Unix e 11,5% para o Linux, disse Eastwood.

Cada vez mais as companhias estão usando servidores Windows para aplicações de ERP (Enterprise Resource Planning), além dos usos comuns, como servidores de e-mail e web.

A migração do Windows NT para versões mais recentes do sistema operacional está puxando as vendas, segundo o analista. "Pela primeira vez é possível dizer que a Microsoft tem um legado e esse legado é o NT", pondera  Eastwood.

Quanto deste ganho de participação do Windows se manterá é difícil determinar, de acordo com o analista.

No entanto, há dois anos a participação do Windows no mercado de servidores era de apenas 31,5%, segundo a IDC.

As pesquisas do Gartner também apontam o Windows como líder no segmento durante o último trimestre, com 37% de participação, de acordo com o analista Joseph Gonzalez.

Hardware

A IBM, a Hewlett-Packard e a Dell tiveram crescimentos de receita superiores ao do mercado.

Os resultados da Dell a levaram ao terceiro lugar, à frente da Sun, após alguns trimestres de "empate" entre as duas concorrentes, disse Eastwood.

Os servidores Dell geraram uma receita de 1,3 bilhão de dólares para a companhia, o que lhe garantiu market share de 10,5%, enquanto a Sun faturou cerca de 1,1 bilhão de dólares com servidores, ficando com uma participação de 8,7%.

O faturamento da Sun caiu 7,6% em relação ao ano passado, enquanto o da Dell cresceu 11,8%.

Para Eastwood, isso se deve ao fato dos servidores em que a Dell se especializou - sistemas x86 baseados em Windows e Linux - estarem em alta.

A IBM se manteve líder em vendas, com ganho de 10,3% na sua receita- que foi de  mais de 4 bilhões de dólares -, enquanto a HP ficou em segundo, com um aumento de receita de 12,4% que levou a um total de 3,5 bilhões de dólares.

A IBM deteve 32,3% do Mercado no período e a HP ficou com 27,8%.

Ao todo, a receita proveniente de servidores ficou um pouco abaixo de 12,5 bilhões de dólares no terceiro trimestre, segundo a IDC.

O ranking do Gartner também mostra que a Dell superou a Sun em participação e ambas as companhias de pesquisa posicionaram a Fujitsu/Fujitsu Siemens em quinto lugar.

Servidores de volume, que custam menos de 25 mil dólares, tiveram crescimento de 14,8% ano-a-ano e são o principal motor da indústria, diz a IDC.

Servidores de médio porte - entre 25 mil dólares e 499 mil dólares - cresceram 3,8%, enquanto os sistemas high-end (que custam mais de 500 mil dólares) caíram 1,2%.

64 bits

Processadores de 64 bits estão tomando a dianteira no mercado de servidores x86, segundo a IDC.

No terceiro trimestre, 69% de todos os servidores vendidos tinham processadores de 64 bits, percentual que era de apenas 9% no mesmo período do ano passado.

Muitos destes chips ainda rodam apenas aplicações para 32 bits, mas as companhias já estão investindo no futuro, diz Eastwood.

AMD, que foi pioneira no lançamento de processadores 64 bits e de dois núcleos para o mercado x86, continua à frente da Intel, segundo o Gartner.

Em receita, os servidores AMD ficaram com 10,7% do segmento de servidores x86, em comparação com uma participação de 4,3% um ano antes, disse Gonzalez.

O ganho de posição em servidores IBM, HP e Sun está ajudando a AMD a conquistar participação de mercado, acredita o analista.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail