Home > Notícias

Yahoo! compra site de bookmarks Del.icio.us

Por enquanto, afirma o Yahoo!, os usuários do Del.icio.us não encontrarão mudanças imediatas no serviço

IDG Now!

12/12/2005 às 18h11

Foto:

O Yahoo! anunciou na tarde de sexta-feira (09/12) a aquisição do site de compartilhamento de bookmarks Del.icio.us, uma empresa de Nova York (Estados Unidos) considerada uma das primeiras a permitir que usuários salvem, anotem, comentem e compartilhem links para os seus websites favoritos na grande rede. Anunciada nos blogs oficiais das companhias, a transação não teve seu valor revelado.

"Juntos continuaremos a melhorar o jeito das pessoas descobrirem, lembrarem e compartilharem a internet, com uma grande ênfase na força de comunidade", escreveu Joshua Schachter, fundador e Chief Executive Officer (CEO) do Del.icio.us.

De outro lado, o Yahoo! afirmou em seu blog que a equipe responsável pelo site de bookmarks trabalhará em proximidade com a equipe do Flickr, um serviço de compartilhamento de fotografias que a companhia adquiriu em março deste ano. "Do mesmo jeito que fizemos com o Flickr, planejamos fornecer ao Del.icio.us os recursos, suporte e espaço que necessita para continuar com o crescimento de seus serviços e comunidade", escreveu Jeremy Zawodny, desenvolvedor da companhia.

Tanto o Flickr quanto o Del.icio.us são considerados bons exemplos de serviços da chamada era Web 2.0 da internet, que se refere a novos conceitos e companhias surgidos na rede após o boom das empresas pontocom entre 2000 e 2001.

Entre os conceitos compartilhados por elas estão a ênfase em tornar os usuários finais na parte central de seus serviços, dando a eles a habilidade em contribuir e participar da criação e gerenciamento de conteúdo.

Essas companhias tendem a acreditar em plataformas abertas que permitam e fomentem o desenvolvimento de serviços web construídos sobre aplicações já existentes e websites mantidos por terceiros.

Por enquanto, afirma o Yahoo!, os usuários do Del.icio.us não encontrarão mudanças imediatas no serviço. Como disse Schachter, "o site continuará a operar de maneira usual".

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail