Home > Notícias

Internet residencial cresce 12,4% em 2005

Banda larga é usada por 62% dos 12,2 milhões de usuários ativos; brasileiros continuam na liderança do ranking de tempo de navegação

IDG Now!

17/01/2006 às 12h13

Foto:

A internet residencial brasileira teve 12,2 milhões de usuários ativos em dezembro de 2005 e 12,4% mais do que em dezembro de 2004, revela o relatório mensal do Ibope//NetRatings e do Comitê Gestor divulgado nesta terça-feira (17/01).

Os brasileiros continuam liderando o ranking de tempo navegado em casa. Em média, cada usuário navegou por 17horas e 59 minutos em dezembro. A média é 34% superior ao tempo navegado em dezembro de 2004 (13 horas e 34 minutos) e está cinco minutos acima do tempo conectado em novembro de 2005.

Atrás do Brasil em tempo navegado estão Estados Unidos, Japão, Austrália, França, Alemanha, Itália, Espanha, Suécia, Suíça e Reino Unido.

Segundo o Comitê Gestor da Internet no Brasil, em dezembro, o número de domínios .br chegou a 858.596 - crescimento de aproximadamante 10% sobre os 850.228 domínios de novembro.

Em número de usuários, todas as categorias da internet apresentaram crescimento, com exceção do segmento Ocasiões Especiais, que ficou estável.

Em relação a 2004, as categorias que mais cresceram em acessos na internet residencial foram Viagens e Turismo (93%), Casa e Beleza (67%), Família e Estilo de Vida (48%), Governo e Empresas Sem Fins Lucrativos (44%), Educação e Carreira (39%), Automóveis (39%), Informações Corporativas (38%) e Notícias e Informações (33%).

O aumento no acesso a estas categorias reflete a crescente adoção da internet em banda larga, que já é a conexão usada por 62% dos internautas ativos residenciais, segundo o Ibope.

Na comparação com novembro, entretanto, apenas três categorias apresentaram crescimento: Ocasiões Especiais, que congrega os sites de cartões de felicitações (31%), Automóveis (10%) e e-Commerce (6%), por conta do período de férias de final de ano.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail