Home > Notícias

Intel exibe primeiro chip de 45 nanômetros

Companhia só iniciará a produção comercial com a tecnologia no meio de 2007, mas mostra que já é capaz de fazer chips de próxima geração

IDG Now!

26/01/2006 às 11h23

Foto:

A Intel exibiu o que alega ser o primeiro chip de 45 nanômetros do mundo.

O chip SRAM totalmente funcional tem mais de 1 bilhão de transistores e possui todos os elementos de um processador de múltiplos núcleos (multi-core).

Mas o chip não tem a pretensão de ser um produto comercial da Intel. É apenas uma prova de que a empresa é capaz de fabricar processadores de próxima geração, de acordo com a companhia.

Os processadores baseados na tecnologia de produção de 45 nanômetros só estarão comercialmente disponíveis a partir do segundo semestre de 2007, segundo a Intel.

Um nanômetro é um milionésimo de milímetro, e cada tecnologia de produção de chip é medida pelo tamanho do menor dispositivo que compõe o processador.

Como processo de fabricação de 45 nanômetros a Intel consegue fazer processadores com cinco vezes menos de dissipação de energia do que os atuais.

O resultado é maior performance do PC. A tecnologia de produção mais avançada em uso hoje é a de 65 nanômetros, que entrou em produção comercial no quarto trimestre do ano passado.

A Intel entra em uma nova geração de produção a cada dois anos.

Os chips serão produzidos em wafers de 300mm, que permitem maior volume e  menor custo de produção por peça que os menores.

O trabalho inicial da companhia com a tecnologia de 45 nanômetros está sendo desenvolvido em uma fábrica da Intel no Oregon (EUA), mas outras duas fábricas - uma no Arizona (EUA) e outra em Israel - estão sendo construídas para abrigar a produção com a nova tecnologia.

Stephen Lawson, IDG News Service

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail