Home > Notícias

Microsoft avisa: Windows Vista pode atrasar se não atingir qualidade

Chefe de desenvolvimento do Windows, Jim Allchin, diz que o lançamento do software, previsto para o final do ano, dependerá do resultado dos testes. "Se tivermos algum problema de qualidade, vou atrasar o produto"

IDG Now!

30/01/2006 às 13h48

Foto:

A Microsoft terminou o desenvolvimento do Windows Vista e espera lançar o produto até o final do ano, mais ou menos na mesma época que o respeitado chefe de desenvolvimento do Windows, Jim Allchin, diz que vai se aposentar da companhia.

Mas Allchin disse na sexta-feira (27/01) que está disposto a atrasar ambos eventos caso o Windows Vista não atinja um padrão de qualidade confortável para ele.

"No ponto que estamos hoje, as coisas vem andando de acordo com o plano e estamos nos sentindo muito bem", disse o co-presidente de plataformas, produtos e serviços da Microsoft.

"Mas sempre gosto de enfatizar, como eu fiz com o Windows 2000 e com o Windows XP: qualidade é o que vai determinar se estamos prontos para lançar. Portanto, se tivermos algum problema de qualidade, vou atrasar o produto. É o que está no topo da minha prioridade".

A Microsoft vai lançar a versão completa de testes do Windows Vista neste trimestre, conforme o planejado, um movimento alinhado com a meta da empresa de obter a versão de melhor qualidade do Windows até o lançamento, segundo o executivo.

A companhia conclui o desenvolvimento interno do Vista e não planeja adicionar novos recursos depois que a próxima versão de testes - a chamada Community Technology Preview (CTP) - for lançada, em algum momento antes de março.

Allchin não deu uma localização mais exata no calendário, embora observadores da Microsoft tenham publicado em blogs que a data de lançamento da prévia completa do Vista será 21 de fevereiro.

Desde setembro, a Microsoft vem lançando CTPs do Vista para obter feedback com maior antecedência da comunidade do que no lançamento de outras versões do Windows.

"No passado, não era raro que adicionássemos recursos planejados somente depois do beta 2, antes do Release Candidate Zero", disse ele.

"Agora dissemos que não faremos isso - as funcionalidades estão dentro, só vamos trabalhar em qualidade, qualidade e qualidade até o lançamento do produto".

A Microsoft foi frequentemente criticada no passado por oferecer as primeiras versões dos seus produtos e grandes atualizações com tantos bugs e inconsistências quanto os betas.

Allchin e a Microsoft esperam evitar esse tipo de experiência com o Windows Vista.

Nos próximos dois CTPs, a Microsoft pretende ampliar o número de usuários testando o Vista.

Ao final da fase beta 2, prevista para o segundo trimestre, alguns milhões de usuários terão testado o Vista, e a Microsoft planeja levar suas sugestões muito a sério antes de lançar a versão final do sistema.

Elizabeth Montalbano, IDG News Service

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail