Home > Notícias

iG reformula planos de acesso a conteúdo

Junto à nova página, portal cria planos fechados de acesso e planeja loja de música

16/02/2006 às 18h34

Foto:

O portal iG anunciou que, como parte do processo de reformulação visual que o endereço pretende estrear na noite desta quinta-feira (16/02), começará a cobrar planos de acesso para conteúdo multimídia de seus usuários.

De acordo com Bruno Sena, diretor geral do Brasil Telecom Internet, a aposta de conteúdo que abriga música e vídeo no novo portal não poderia ser feita de maneira completamente aberta por questões tecnológicas.

"Gasta-se muita banda para transmitir um vídeo, que faz sucesso entre muitos usuários" afirma o executivo, que revelou ainda que o iG aproveitará o grande acervo multimídia do BrTurbo, portal de banda larga do grupo, no site Mega Player do iG.

"O cara que comprar acesso banda larga pelo iG ganha benefícios sobre o conteúdo de vídeo fechado. Pode ser acesso a determinados conteúdos exclusivos, descontos para outros materiais ou talvez um plano mais caro para que o usuário assista tudo" revela Alexandre Barreto, diretor de Portal e Comércio da Brasil Telecom Internet.

Até o segundo semestre deste ano, todo o material estará aberto para os usuários. Sena não quis adiantar os planos e preços que serão cobrados pelo acesso ao conteúdo multimídia. Ainda no mesmo setor, o executivo revelou que o iG pode estar prestes a abrir uma loja online de músicas e vídeos.

"Estamos estudando a proposta, como estudamos todas por sermos um site" despista Sena, após confirmar que há contatos do portal com gravadoras. Barreto admite que, além de gravadoras, há conversas com empresas de tecnologia para que o site de e-commerce saia, "talvez, em 2006".

Em novembro de 2005, a Brasil Telecom agregou sob um novo setor, chamado de Brasil Telecom Internet, as operações dos portais BrTurbo, iBest e iG. As equipes dos dois primeiros também foram integradas fisicamente ao prédio do iG, nos Jardins em São Paulo.

Nova home

O visual reformulado do iG, com estréia marcada para a noite desta quinta-feira (16/02), aposta não só em conteúdo multimídia, como principalmente na organização do material próprio e de parceiros.

Alessandra Blanco, diretora do portal e de conteúdo da Brasil Telecom Internet, afirma que a mudança visual deverá atingir também sites próprios do iG, como o Último Segundo e o Babado, até o final do ano.

A chamada "TV online", janela em Flash na parte esquerda da página, ganhou o complemento de três vídeos do Mega Player, fora os cinco destaques padrões. O bloco do Último Segundo ganhou uma sexta aba, onde o usuário poderá ler notícias do site de fofoca Babado na própria home.

O novo design aposta em cores mais limpas, com a cor azul característica do site praticamente abolida. Ao contrário da página inicial vigente, a nova home é longa o suficiente para que o usuário use a barra de scroll lateral.

O espaço que torna a página longa é ocupado por seis blocos que podem ser alterados para agregar diferentes notícias do site e seus parceiros sob o mesmo assunto - algo já usado atualmente pela home do UOL.

Os responsáveis pela filtragem do conteúdo presente nas seis caixas são os chamados "curadores do iG", profissionais responsáveis pela manutenção de canais específicos de conteúdo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail