Home > Notícias

Terceira falha no MAC OS X é detectada em uma semana

Após cavalo-de-tróia e vírus por Bluetooth, Secunia descobre falha grave em associação de arquivos .ZIP que permitiria a hackers dominar equipamentos com Mac OS X 10.4

21/02/2006 às 14h46

Foto:

Terceira falha no MAC OS X é detectada Terça-feira, 21 fevereiro de 2006 - 11:04 IDG Now!
A consultoria de segurança Secunia revelou nesta terça-feira (21/02) a terceira falha grave para o sistema operacional Mac OS X, da Apple, em menos de uma semana.

A vulnerabilidade, classificada como "extremamente grave" pela consultoria, está localizada no processo do sistema para associar meta dados em arquivos ZIP. Um documento especialmente formatado para explorar a falha pode dar controle do Mac para hackers.

Outra maneira de explorar a falha é integrar a um site da Internet códigos maliciosos que, executados pelo navegador Safari, também da Apple, possam permitir o acesso ao disco rídigo do equipamento.

Já que a Apple ainda não divulgou a correção para a falha, usuários do Tiger, nome como o sistema operacional é conhecido, podem evitar ataques apenas desabilitando a opção "Open safe files after downloading" (Abrir arquivos seguros após o download).

Este é o terceiro alerta para uma falha que pode infectar o sistema Mac OS X, até então considerado livre de vírus, em menos de uma semana. Na última quinta-feira (16/01), a consultoria Sophos alertou para o OSX/Leap-A, cavalo-de-tróia que poderia roubar dados do usuário. Um dia depois, a mesma Sophos detectou a ação do OSX/Inqtana-A, que se propagava por Bluetooth.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail